Contribuição ao Cahier: Sobre as diferenças de gênero

  • Bárbara Bastos Sérgio Nascimento Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Resumo

Na entrevista analisada, e que compõe o volume de Cahiers de L’Herne, 2012, objeto de estudo desta resenha, Beauvoir tece críticas relevantes à cultura tanto para o seu tempo, quanto para a nossa atualidade. Antes de tudo, vale lembrar que esta entrevista se insere em duas outras concedidas a Francis Jeanson, publicadas em 1966, sob o título Entretiens avec Simone de Beauvoir e que compõe o livro Simone de Beauvoir ou l’entreprise de vivre. Paris, Éditions du Seuil, 1966. Como grande parte dos textos que integram o volume objeto de resenhas, Cahiers de L’Herne, de 2012, apresenta partes inéditas, nestas entrevistas em que Beauvoir e Jeanson discutem aspectos variados sobre a cultura, a existência, a literatura e a escritura. Há também no dito volume um excerto das entrevistas “J’ai été flouée”, no qual Beauvoir tenta mitigar o mal entendido provocado pelo Epílogo de La force des choses. Neste caso é a relação entre escritor e leitor, texto e leitor que se problematiza (BEAUVOIR, 2012, p. 228-231).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bárbara Bastos Sérgio Nascimento, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
Graduanda em Direito pela Faculdade de Direito da PUCMINAS. Bolsista de pesquisa do FIP/PUCMINAS 2012-2013. Integrante do Grupo de Estudos sobre Simone de Beauvoir, coordenado pela Profa. Magda Guadalupe dos Santos, IFTDJ-PUCMINAS, desde 2012.

Referências

JEANSON, Francis. Simone de Beauvoir ou l’Eentreprise de vivre. Paris: Seuil, 1966.

Publicado
23-06-2014
Como Citar
Nascimento, B. B. S. (2014). Contribuição ao Cahier: Sobre as diferenças de gênero. Sapere Aude, 5(9), 424-427. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/SapereAude/article/view/7690
Seção
RESENHAS/REVIEWS