O QUE HÁ ENTRE CRISTIANISMO, ÉTICA E MUNDO MODERNO?

Luís Gabriel Provinciatto

Resumo


Tomando como ponto de partida a obra Eu sou a Verdade: por uma filosofia do cristianismo, de autoria do filósofo francês Michel Henry (1922-2002), este trabalho se ocupa em compreender como é possível estabelecer uma relação entre três temas centrais aí presentes, a saber: cristianismo, ética e mundo moderno. Não se trata, obviamente, de uma ligação evidente entre temas, sendo um a consequência de outro. A proposta de Henry é, partindo do campo fenomenológico, buscar as intuições fundantes do cristianismo, fazendo um retorno às fontes do Novo Testamento. A intenção deste trabalho, então, é apresentar uma leitura crítica do texto, mostrando ao leitor algumas nuances presentes nas entrelinhas da obra, tais como: a perspectiva fenomenológica empregada por Henry, a possibilidade de uma crítica recíproca entre cristianismo e mundo moderno e a importância da práxis nesse resgate da fonte cristã, donde a fundação de uma ética. 


Palavras-chave


Cristianismo. Ética. Mundo moderno. Michel Henry.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5752/P.2177-6342.2017v8n16p536

                          Rede Cariniana 


          

 

 

ISSN: 2177-6342