Por que existe o dia e a noite? Uma proposta de ensino interdisciplinar em museu interativo

Diego de Vargas Matos, Ana Lúcia Purper Thiele, Isabel Cristina Machado de Lara, José Luis Ferraro

Resumo


Este artigo apresenta o relato de experiência advindo da realização de um projeto de ensino interdisciplinar acerca do tema Rotação da Terra com estudantes de quinto ano do Ensino Fundamental de uma escola pública de Porto Alegre, RS. Objetiva verificar as mudanças na percepção dos estudantes acerca do motivo da existência do dia e da noite na Terra ocasionada pela exploração de recursos disponibilizados por um museu interativo. Para tanto, foi realizada uma pesquisa qualitativa, analisando e comparando as respostas dadas pelos estudantes a um pré e pós questionário por meio da Análise Textual Discursiva. Utilizou-se a Modelagem Matemática como método de ensino e um museu interativo como espaço não formal de educação durante a realização do projeto. Evidencia que a exploração de museus interativos aliada à utilização da Modelagem Matemática como método de ensino causou uma mudança significativa na percepção que os estudantes tinham sobre a existência do dia e da noite na Terra. Além disso, aponta a eficácia de projetos interdisciplinares de ensino para aprimorar a visualização e a compreensão dos estudantes a respeito do mundo em que vivem.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5752/P.2316-9451.2018v7n1p24-46

Indexadores e Repositórios/Banco de dados: