Utilização do MPS-BR para análise do processo de desenvolvimento de software em startups

Jansser Dias Silva, Pateur Ottoni de Miranda Junior

Resumo


O cenário tecnológico e econômico propiciado pelas startups de base tecnológica mostra-se promissor e ao mesmo tempo preocupante. Este artigo baseia-se nos principais motivos atribuídos ao fracasso de 101 startups de acordo com os seus fundadores e compara essas razões ao idealizado pelas boas práticas de Engenharia de Software. É mostrado que falhas presentes, principalmente, na realização dos processos de Gerência de Requisitos e Gerência de Projetos levam cerca de 90% dessas organizações à falência. Com isso, o guia MPS-BR foi utilizado como referência para analisar e atribuir um índice de adequação ao processo de desenvolvimento de software em quatro projetos de três startups. Por fim, foi atribuído a cada projeto um índice de aderência quantitativo de acordo com as práticas e resultados evidenciados nos processos analisados. Esses resultados foram disponibilizados às organizações para auxiliá-las a estabelecerem condições de sucesso para seus projetos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5752/P.2316-9451.2016v5n1p18

Indexadores e Repositórios/Banco de dados: