Bullying, Preconceito e Escola DOI - 10.5752/P.2318-7344.2013v1n1p93

  • Elise Helena de Morais Batista PUC Minas
  • Dirce Djanira Pacheco e Zan PUC Minas
Palavras-chave: Bullying, Escola, Juventude, Preconceito, Diferenças.

Resumo

O bullying é um assunto que tem sido cada vez mais abordado no meio educacional. O presente estudo objetiva problematizar o fenômeno a partir de uma análise crítica que o relaciona às diferenças. Para tanto, nos valemos de pesquisa realizada em escola pública do município de Campinas – SP. Foram observadas aulas de Educação Física de quintas séries, com registros realizados em Diário de Campo. Esses registros fundamentaram a formação de um Grupo Focal com quinze alunos. A escolha metodológica teve como objetivo ouvir os alunos a respeito da convivência escolar para posteriormente analisar o bullying. Os dados coletados apontam que os alunos apresentam concepções estereotipadas e permeadas de preconceitos em relação às diferenças, vinculadas aos padrões de beleza, raça, cor, gênero e sexualidade. Neste artigo, apresentaremos a história de Rafaela, uma das jovens participantes da pesquisa, como forma de refletir acerca do papel formador da instituição escolar.

Biografia do Autor

Elise Helena de Morais Batista, PUC Minas
Mestre pela Faculdade de Educação e pequisadora do grupo de estudos – VIOLAR – FE/UNICAMP.
Dirce Djanira Pacheco e Zan, PUC Minas
Professora doutora do programa de pós-graduação da Faculdade de Educação/Unicamp e pesquisadora do grupo VIOLAR, na mesma instituição.
Publicado
30-08-2013
Como Citar
Batista, E. H. de M., & Zan, D. D. P. e. (2013). Bullying, Preconceito e Escola DOI - 10.5752/P.2318-7344.2013v1n1p93. @rquivo Brasileiro De Educação, 1(1), 93-105. https://doi.org/10.5752/P.2318-7344.2013v1n1p93