Foco e Escopo

Conjuntura Internacional é uma iniciativa do Departamento de Relações Internacionais da PUC Minas que se dedica ao tratamento de informações concernentes às relações internacionais. O objetivo do projeto é estimular a realização de análises sobre a conjuntura internacional, suscitando reflexões sobre questões contemporâneas que digam respeito ao campo das Relações Internacionais. Busca-se alcançar, por meio das análises, tanto públicos especializados (políticos, jornalistas, empresários, acadêmicos e técnicos dos setores governamental e não governamental) quanto leitores que se interessem pelos variados temas da política internacional.


Propósitos: Conjuntura Internacional é uma iniciativa do Departamento de Relações Internacionais da PUC Minas, e se dedica ao tratamento de informações concernentes às relações internacionais para públicos especializados – como políticos, jornalistas, empresários, técnicos dos setores governamental e não governamental, e acadêmicos. Neste sentido, a proposta de reformulação do boletim Conjuntura Internacional visa dois objetivos: primeiro, continuar a atividade de iniciação científica característica do boletim, com a participação alunos da graduação na elaboração das análises de conjuntura bem como na dinâmica de funcionamento do boletim (agora revista), destinada a acadêmicos da pós-graduação ou já pós-graduados; segundo, ampliar o espaço para a produção acadêmica de Relações Internacionais no Brasil, em especial no que concerne às questões de caráter conjuntural.

Processo de Avaliação por Pares

Todas as contribuições serão submetidas a arbitragem científica, com avaliação de pelo menos dois pareceristas, escolhidos entre os membros  da comunidade científica especializada em um sistema de "análise dupla cega" (double blind review).

Periodicidade

Este é um periódico quadrimestral, com novas edições sendo publicadas em Abril, Agosto e Dezembro.

Política de Acesso Aberto

Este é um journal de acesso aberto o que significa que todo o seu conteúdo é distribuido sem taxas para todo usuário e/ou sua instituição. Usuários estão livres para ler, baixar, copiar, distribuir, printar, buscar, ou linkar o texto completo dos artigos aqui publicados. O que está em acordância com a definição BOAI de acesso livre.

Declaração de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração

Declaração de São Francisco sobre a Avaliação da Pesquisa (DORA)

A Conjuntura Internacional é signatária da Declaração de São Francisco sobre a Avaliação da Pesquisa (DORA)

Indexadores

Academia.edu

BASE - Bielefeld Academic Search Engine

Crossref

EBSCO Host - Business Sources Premier

EBSCO Host - Business Sources Elite

JournalTOCs

Latindex

LatinREV - Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades

LivRe - Revistas de Livre Acesso

MIAR - Information Matrix for the Analysis of Journals

PKP Index

Sumários de Revistas Brasileiras

ZBD - Zeitschriften Datenbank

ISSN 

1809-6182

 

Financiamento
 
Editora PUC-Minas

Administração Superior 

ADMINISTRAÇÃO DA PUC MINAS


GRÃO-CHANCELER
Dom Walmor Oliveira de Azevedo


REITOR
Professor Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães


VICE-REITORA
Professora Patrícia Bernardes


ASSESSOR ESPECIAL DA REITORIA
Professor José Tarcísio Amorim


CHEFE DE GABINETE DO REITOR
Professor Paulo Roberto de Sousa


SECRETÁRIO GERAL
Professor Ronaldo Rajão Santiago


PRÓ-REITORES E SECRETÁRIOS
Planejamento e Desenvolvimento Institucional – Professor Carlos Barreto Ribas;
Graduação – Professora Maria Inês Martins;
Pesquisa e Pós-graduação – Professor Sérgio de Morais Hanriot;
Extensão – Professor Wanderley Chieppe Felippe;
Gestão Financeira – Professor Paulo Sérgio Gontijo do Carmo;
Logística e Infraestrutura – Professor Rômulo Albertini Rigueira;
Recursos Humanos – Professor Sérgio Silveira Martins;
Diretor Executivo de Recursos Humanos - Prof. Eudes Weber Porto;
Secretaria de Cultura e Assuntos Comunitários – Professora Maria Beatriz Rocha Cardoso;
Secretaria de Comunicação: Prof. Mozahis Salomão Bruck;


PRÓ-REITORES DE CAMPI E UNIDADES:
Arcos: Professor Jorge Sundermann;
Barreiro: Professor Renato Moreira Hadad
Betim: Professor Eugênio Batista Leire;
Contagem: Professor Robson dos Santos Marques;
Poços de Caldas: Professor Iran Calixto Abrão;
São Gabriel: Professor Miguel Alonso de Gouvêa Valle;
Serro e Guanhães:
Professor Ronaldo Rajão Santiago.


EDITORA PUC MINAS


DIREITOR

Prof. Patrus Ananias de Sousa


COORDENAÇÃO EDITORIAL

Cláudia Teles de Menezes Teixeira


ASSISTENTE EDITORIAL

Maria Cristina Araújo Rabelo


REVISÃO

Virgínia da Mata Machado

Declaração de São Francisco sobre a Avaliação da Pesquisa (DORA)

A Estudos Internacionais: Revista de Relações Internacionais da PUC Minas é signatária da Declaração de São Francisco sobre a Avaliação da Pesquisa (DORA)

Diretrizes Éticas e Boas Práticas na Publicação

O periódico Estudos Internacionais está de acordo com as diretrizes éticas e boas práticas produzidas pelo Comittee on Publication Ethics (COPE).


Todas as partes envolvidas no processo de publicação (os/as autores/as, o/a editor/a principal, o conselho editorial e os/as avaliadores/as) se comprometem com o cumprimento destes padres de conduta ética.


Decisões de publicação


O/a editor/a da revista é responsável por decidir quais artigos devem ser publicados. Ela/ela se orientará pelas regras do conselho editorial e obedecerá os critérios legais como os vigentes em matéria de difamação, infração de direitos autorais e plágio. O/a editor/a pode consultar outros/as editores/as ou revisores/as no processo de decisão, porém a decisão final não recairá sobre eles/elas.


Não discriminação


O/a editor/a avaliará os manuscritos sem considerar a raça, o gênero, a orientação sexual, a crença religiosa, a origem étnica, a nacionalidade ou as ideias políticas do/da autor/a. A decisão final será fundamentada na pertinência, originalidade, clareza, valor substantivo do estudo, bem como sua relevância e contribuição para o desenvolvimento da revista.


Confidencialidade


Nenhuma das pessoas que participem da equipe da revista revelará informação sobre um manuscrito recebido a pessoas que não estejam envolvidas diretamente no processo editorial, ou seja, o/a autor/a, potenciais revisores/as ou outros/as editores/as.


Revelação e conflitos de interesse


Os materiais inéditos apresentados em um manuscrito enviado não serão utilizados para pesquisas próprias por nenhuma das pessoas que a ele tenham acesso sem o consentimento expresso do/da autor/a.


Deveres e responsabilidades dos/as avaliadores/as


Contribuições para as decisões editoriais


A revisão por pares ajuda o/a editor/a no processo de tomada de decisão em matéria editorial e, através de comunicações editoriais com o/a autor/a, também podem ajudar a melhorar o trabalho.


Compromisso


Qualquer avaliador/a que não se sinta qualificado/a para revisar um manuscrito, ou que entenda que não pode cumprir os prazos propostos para uma revisão, deverá notificar o/a editor/a sobre isso com a máxima brevidade possível para que outros/as avaliadores/as possam ser contatados.


Confidencialidade
Qualquer manuscrito recebido deverá ser tratado como documento confidencial. Não deve ser mostrado ou discutido com outras pessoas exceto se houver autorização do/da editor/a.


Padrões de objetividade


Os/as avaliadores/as argumentarão todas suas decisões e afirmações para que o/a editor/a possa tomar as melhores decisões e os/as autores/as conhecem como melhorar o artigo. A crítica pessoal ao/à autor/a é inaceitável.


Reconhecimento das fontes


Os/as avaliadores/as devem identificar aqueles<