Renascimento africano no século XXI? Desafios pós-coloniais e as reflexões sobre a África nas Relações Internacionais

African renaissance in the 21st century? Post-colonial challenges and reflections on Africa in International Relations

  • Joyce Amancio de Aquino Alves Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Palavras-chave: África. Relações Internacionais. Renascimento Africano.

Resumo

O conceito de Renascimento Africano é visto como uma concepção que define a inserção africana na política internacional no século XXI. Consideramos que o Renascimento Africano, exposto por alguns analistas como conceito indissociável do crescimento econômico, mostra-se insuficiente para a compreensão dos velhos desafios, como a integração e o desenvolvimento.

Biografia do Autor

Joyce Amancio de Aquino Alves, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
Professora Adjunto A da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira- Campus Malês , Brasil. Doutora em Sociologia pela Universidade Federal de Pernambuco (2018), Mestra em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Campina Grande (2013) e Graduada em Relações Internacionais pela Universidade Estadual da Paraíba (2011). Têm experiência em Sociologia Política e Política internacional com ênfase nos estudos sobre identidade, relações raciais e movimentos sociais.

Referências

AMIN, Samir. “Por una estrategia de desarrollo autocentrado en África”. Africa América Latina, cuadernos: Revista de análisis sur-norte para una cooperación solidaria, 1990, nº. 1, p. 27-38.

BARBOSA, Muryatan. Pan-africanismo e relações internacionais: uma herança (quase) esquecida. Revista Carta Internacional, Belo Horizonte, v. 11, n. 1, 2016, p. 144-162.

DIALLO, Aufa Oumar. Renascimento Africano e Desenvolvimento. Revista Conjuntura Austral, Vol. 2, nº. 6 , Jun.Jul 2011.

EDMONDSON, L A. África em vias de desenvolvimento. In MAZRUI, Ali A. e WONDJI, Christophe (editor). História Geral da África – v. VIII – África sob dominação colonial.1880-1935.São Paulo, Cortez; Brasília, UNESCO, 2011.p. 1003- 1042

FANON, Frantz. Os condenados da Terra. Tradução de José Lourênio de Melo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

FARIAS, Paulo. "Tombuctu, a África do Sul e o idioma de renascença africana". seminário preparatório dos temas africanos para a II CNPEPI, em 2 e 3 de março de 2007.

HUGON, P. “Problemas e desafios internos" e “A África e a sociedade internacional", In: Geopolítica da África. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2010.

LUIGI, Ricardo ; PENNAFORTE, Charles . A integração global do continente africano. In: LUIGI, Ricardo; PENNAFORTE, Charles. (Org.). Perspectivas Geopolíticas - uma abordagem contemporânea. 1ªed.Rio de Janeiro: CENEGRI, 2010, v. 1, p. 163-184

MACAMO, Elísio. Respostas sem perguntas, ou: porque África não é um problema por resolver. In Progress 2º Seminário Internacional sobre Ciências Sociais e Desenvolvimento em África - PAINEL V: PROMOÇÃO DA CIÊNCIA E DESENVOLVIMENTO. Lisboa. 2013, (pp. 255-254). Disponível em: https://pascal.iseg.ulisboa.pt/~cesa/index.php/en/menupublicacoes/e-book/502. Acesso em

MACUANE, José Jaime. 2005. Os paradoxos do desenvolvimento à La Carte. Conferência apresentado na XI Assembleia Geral da CODERSIA, Maputo 6 a 10 de dezembro de 2005. Disponível em: www.codesria.org/Links/conferences/general.../port/GA_prog_port.pdf

MAZRUI, Ali & WONDJI, Christophe (Eds.). História geral da África, VIII: África desde 1935. Brasília: UNESCO, 2010.

MBOKOLO, Elikia. África Negra: História e Civilizações (Tomo II). Salvador: EDUFBA/Casa das Áfricas, 2011. P 630-653.

SARAIVA, José Flávio Sombra. A África no ordenamento internacional do século XXI: uma interpretação brasileira. Anos 90, Porto Alegre, v. 15, n. 27, p. 75-106, jul. 2008

SARAIVA, José Flávio Sombra. África parceira do Brasil atlântico: relações internacionais do Brasil e da África o início do século XXI, Belo Horizonte, MG: Fino traço, 2012

SARAIVA, José Flávio Sombra. A África no século XXI : um ensaio acadêmico/. – Brasília : FUNAG, 2015.p. 75-94.

VISENTINI, Paulo F. Independência, marginalização e reafirmação da África (1957-2007). In: MACEDO, JR., org. Desvendando a história da África [online]. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2008.

Publicado
06-02-2020
Como Citar
Alves, J. A. de A. (2020). Renascimento africano no século XXI? Desafios pós-coloniais e as reflexões sobre a África nas Relações Internacionais . Conjuntura Internacional, 16(2), 7. https://doi.org/10.5752/P.1809-6182.2019v16n2p7
Seção
Dossiê "África: memória e projeções de desenvolvimento"