Argumentos dispositivos: o pathos do logos

  • Julio Pinto

Resumo

O artigo propõe uma aproximação entre as noções de dispositivo (Foucault, Agamben) e o conceito de suadissigno (argumento semiótico). Discute-se a presentificação da experiência como corolário do predomínio da razão sensível – primeireza, em termos semióticos –, como elemento de um dispositivo do imaginário social (terceireza, portanto, dentro do domínio do logos) que faz do pathos uma sutil avenida para criação de mentalidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
17-08-2016
Seção
Dossiê A noção de dispositivo e suas perspectivas teórico-metodológicas