Um estudo experimental de mensagens de e-saúde com diabéticos:

A influência das mensagens digitais no processo de literacia

Resumo

O estudo verificou se o uso de recursos audiovisuais em um aplicativo melhora a eficácia de intervenções em e-saúde e se aumenta os níveis de conhecimento em saúde em pacientes diabéticos. Foi realizado um estudo experimental, exploratório, com componentes descritivo-qualitativos e quantitativos em grupos de pacientes diabéticos (um grupo controle, outro que testou o aplicativo em Smartphone e outro que o testou em TV digital) de vários níveis socioeconômicos na cidade de Poços de Caldas, MG. Verificou-se a tendência de melhora dos indicadores de alfabetização, principalmente entre os que testaram o conteúdo na TV digital, observou-se que o nível mais alto de alfabetização ajuda na recepção da informação, e que os meios digitais ajudam a melhorar os níveis de alfabetização em saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Manuel José Damásio, Universidade Lusófona
Manuel José Damásio é doutor em Media Studies pela Universidade Nova de Lisboa e fez a
sua agregação também em comunicação na Universidade do Minho. É Professor Associado e Chefe do
Departamento de Cinema e Artes Media da Universidade Lusófona, em Lisboa. Possui vasta
experiência em consultoria e produção em diversas áreas do campo da produção audiovisual e
multimédia. Ele é presidente da GEECT - a associação europeia de escolas de cinema e mídia e membro do
conselho do Comitê Executivo CILECT (associação internacional de escolas de cinema e mídia).
É coordenador da FILMEU - Universidade Europeia de Cinema e Artes Mídia. Ele é autor de cinco
livros e vários artigos e capítulos de publicações internacionais revisadas por pares.

 

Publicado
13-07-2022