OFICINAS DE HABILIDADE DE VIDA EM ADOLESCENTES: UMA ABORDAGEM SOBRE O SENTIDO DA VIDA

Fernanda O. Cruz, Melissa de Andrade, Paulo Franco Taitson, Horácio Pereira de Faria

Resumo


O aumento de autoagressão e autoextermínio entre os adolescentes nos últimos anos foi observado durante estágio de medicina em uma cidade mineira (7.797 habitantes). Convidadas pela Unidade Básica de Saúde (UBS) e o Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF) para trabalhar saúde na escola, avaliamos a importância da espiritualidade como ferramenta na promoção e prevenção em saúde (conforme conceito da psiquiatria: espiritualidade como sentida da vida), propiciando um espaço de reflexão sobre o sentido da vida e de rastreio de transtornos mentais e comportamentais nos adolescentes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.