Dependência e desenvolvimento na América Latina: uma perspectiva alternativa da teoria de Relações Internacionais

  • Gabriel Fernandes Pimenta PUC-MG
Palavras-chave: Teoria das Relações Internacionais, Cepal, Desenvolvimento, América Latina.

Resumo

O presente artigo analisa a obra Dependência edesenvolvimento na América Latina em perspectivahistórica, tendo em vista sua inserção nocenário acadêmico das Relações Internacionais daAmérica do Sul quando de sua publicação e seuspossíveis impactos no desenvolvimento do campoda teoria de Relações Internacionais. O artigoidentifica que, apesar da classificação inicial daobra como do campo da sociologia, seu métodoanalítico ao mesmo tempo descritivo e projetivo,somado à sua interdisciplinaridade, permiteenquadrá-lo como trabalho de Relações Internacionais.Conclui-se que, tendo em vista a lacunade estudos que abordassem os fenômenos locaise a necessidade desses para uma compreensãoprecisa da região, a obra Dependência e desenvolvimentona América Latina consiste em um esforçoregional pioneiro de teorização das Relações Internacionaislatino-americanas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriel Fernandes Pimenta, PUC-MG
Graduando em Relações Internacionais.
Como Citar
Fernandes Pimenta, G. (1). Dependência e desenvolvimento na América Latina: uma perspectiva alternativa da teoria de Relações Internacionais. Fronteira: Revista De iniciação científica Em Relações Internacionais, 8(16), 7-25. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/fronteira/article/view/3836