Novos atores no sistema internacional contemporâneo: as unidades subnacionais na nova geografia econômica transnacional

Luciana Paiva, Marina Scotelaro

Resumo


A intensificação de fluxos econômicos e de comunicaçãodesde a década de 1970, a perda decentralidade da agenda de segurança na políticainternacional e a consequente ampliação daagenda temática das relações internacionais,sobretudo no que se refere à descentralizaçãoda execução política no cenário mundial, forammudanças cruciais na redefinição do sistema internacionalcontemporâneo. Em decorrência dosimpactos da globalização e da interdependênciacomplexa, o Estado tem seu papel redefinido coma emergência das unidades subnacionais frenteàs demandas de níveis locais e regionais. Nesteartigo elaboramos uma contextualização doprocesso de emergência das cidades no âmbitointernacional com o intuito de analisar seu desenvolvimentoe suas potencialidades de atuação daforma como têm se inserido atualmente no cenáriointernacional.

Palavras-chave


Globalização; Sistema internacional; Estado; Descentralização; Unidades subnacionais; Internacionalização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexadores:

  

 

ISSN: 1679-5377