O Capelão como mediador: revisão integrativa

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Eliane Florencio Gama
Thamires Fiorentino Jarra

Resumo

As mudanças observadas na estrutura sociocultural desde os tempos bíblicos até os dias atuais determinaram o desdobramento das diferentes áreas de atuação da Capelania/Aconselhamento, tais como nas áreas Hospitalar, Militar, Carcerária, Empresarial, dentre outras. Apesar dessa diversidade de áreas de atuação pode-se destacar uma situação comum: os conflitos interpessoais. Uma das possibilidades de intervir em situações de conflito é a Mediação informal, que se caracteriza pela atuação de um terceiro facilitador, que auxilia na solução amigável de conflitos. O objetivo do presente estudo foi quantificar, listar e analisar a literatura sobre a prática da Mediação Informal na Capelania/Aconselhamento. Foi utilizado o método da revisão integrativa, buscando dados nas seguintes bases eletrônicas Portal de Periódicos da CAPES; Scientific Eletronic Library online-Scielo; Science Direct e Google Acadêmico. Apenas seis artigos apresentaram informações sobre a elaboração de programas e estratégias de mediação de conflitos no âmbito carcerário, corporativo e hospitalar por iniciativa de serviços ou setores de Capelania. Além disso chama a atenção que em apenas uma dessas iniciativa houve um preparo específico dos capelães para mediação, realizado por uma ONG canadense que educa, treina e equipa nos moldes da justiça restaurativa, com particular atenção a área da capelania.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
GAMA, E. F.; JARRA, T. F. O Capelão como mediador: revisão integrativa. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 17, n. 53, p. 1294, 31 ago. 2019.
Seção
Comunicações/Papers-Communications
Biografia do Autor

Thamires Fiorentino Jarra, Universidade São Judas Tadeu, SP

Graduada em Direito, com experiência em Mediação de conflitos. 
Mestranda em Ciências do Envelhecimento