Entre a Igreja e a escola: o catolicismo e a escola do campo no Marajó em conexão

Main Article Content

Eliane Miranda Costa

Resumo

O texto aborda a relação da educação escolar e o catolicismo no espaço rural, especialmente, no rio Mapuá, no município de Breves, arquipélago de Marajó, estado do Pará. Tem-se por objetivo identificar a presença do catolicismo na escola do campo e a relação com a formação dos alunos ribeirinhos. Especificamente, a perspectiva é discutir a influência dos rituais religiosos e artefatos sagrados no processo educativo e na cultura escolar do campo. É uma investigação de natureza qualitativa, fundamentada na incursão bibliográfica e pesquisa de campo, cujos dados empíricos foram coletados por meio de observações etnográficas, entrevistas semiestruturadas e fotografias. Em termos teóricos o estudo busca amparo em escritos de autores do campo da Antropologia, Ciência da Religião e da Educação, tendo como recorte o ensino religioso. Os resultados indicam que a educação escolar e o catolicismo no rio Mapuá entrelaçam-se por meio de rituais e artefatos sagrados que narram saberes, tradições, afetos, significados e simbologias que na percepção dos depoentes ajudam a forjar a formação escolar dos sujeitos e, por conseguinte, à cultura escolar.

Article Details

Como Citar
COSTA, E. M. Entre a Igreja e a escola: o catolicismo e a escola do campo no Marajó em conexão. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 18, n. 55, p. 275, 30 abr. 2020.
Seção
Artigos/Articles: Dossiê/Dossier
Biografia do Autor

Eliane Miranda Costa, Universidade Federal do Pará

Doutora em Antropologia pela UFPA. Professora adjunta da UFPA. País de origem: Brasil. E-mail: elyany2007@hotmail.com

Referências

ANTUNES- ROCHA. M. I; DINIZ, L. de S.; OLIVEIRA, A. M. Percurso Formativo da Turma Dom José Mauro: segunda turma do curso de Licenciatura Plena em Educação do Campo da FAE-UFMG. In: MOLINA, M. C.; SÁ, L. M. (org.). Licenciaturas em educação do campo: registros e reflexões a partir das experiências piloto (UFMG; UnB; UFBA e UFS). Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2011.
ARROYO, M. G. A educação básica e o movimento social do campo. In: FERNANDES, B. M. (Org.). A educação básica e o movimento social do campo. Brasília, DF: Articulação Nacional Por Uma Educação Básica do Campo, 1999.
ARROYO, M. G. Currículo, território em disputa. 2. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2011.
BONI, P. C.; MORESCHI, B. M. Fotoetnografia: a importância da fotografia para o resgate etnográfico. Doc On-line, n. 3, p.137-157, 2007. Disponível em: www.doc.ubi.pt. Acesso em: 20 set.2015.
BRASIL. MEC. Base Nacional Comum Curricular para Educação Infantil e Ensino Fundamental. 2017. Disponível em: basenacionalcomum.mec.gov.br/wp-content/uploads/2018/02/bncc-20dez-site.pdf. Acesso em: 20 out. 2018.
BRASIL. MEC. Lei de Diretrizes de Bases da Educação Nacional, Lei N° 9.394/1996. Disponível em: https://www.cpt.com.br/ldb/lei-de-diretrizes-e-bases-da-educacao-completa-interativa-e-atualizada. Acesso em: 13 jan. 2019.
BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Religioso, 2009. Disponível em: http://www.portcom.intercom.org.br/pdfs/fcd5be4b5d7d8e84a850ee93a46a040b.pdf. Acesso em: 10 jan. 2019.
CARNEIRO, M. A. LDB fácil: leitura crítico-compreensiva, artigo a artigo. 24. ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2018.
DANNER, L.F.; BAVARESCO, A.; DANNER, F. Universalismo entre religiões e modernidade: a fundamentação do universalismo epistemológico-moral por meio da cooperação entre razão e religião. Horizonte, v. 17, n. 52, p. 436-461, jan./abr. 2019. Disponível em: http://periodicos.pucminas.br/index.php/horizonte/issue/view/1091. Acesso em: 20 out. 2019.
DELGADO, L. de A. N. A história oral: memória, tempo, identidades. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2010.
FAGUNDES, R. S. A função da retórica política de Antônio Vieira na Restauração: uma análise do sermão de Santo Antônio. Religare: revista do Programa de Pós-graduação em Ciências das Religiões da UFPB, v. 15, n. 1, p. 324-350, 2018. Disponível em: www.periodicos.ufpb.br. Acesso em: 12 jan. 2019.
FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 46. ed. São Paulo: Paz e Terra S/A, 2007.
GALVÃO, E. Santos e visagens: um estudo da vida religiosa de Itá, Amazonas. São Paulo: Cia. Editora Nacional, 1955.
GEERTZ, C. O saber local: novos ensaios em antropologia interpretativa. Petrópolis: Vozes, 1997.
GEERTZ, C. Uma descrição densa: por uma teoria interpretativa da cultura. In: GEERTZ, C. A interpretação das culturas. Rio de Janeiro: Guanabara-Koogan, 2012.
IBGE. Cidades. 2010. Disponível em: . Acesso em: 10 jan. 2019.
MAUÉS, R. H. Um aspecto da diversidade cultural do caboclo amazônico: a religião. Estudos avançados, São Paulo, v. 19, n. 53, p. 259-274, 2005.
PIANA, M. C. As políticas educacionais: dos princípios de organização à proposta de democratização. In: A construção do perfil do assistente social no cenário educacional [online]. São Paulo: Editora UNESP: Cultura Acadêmica, 2009. Disponível em: http://books.scielo.org. Acesso em: 2 jan. 2019.
SALLES, W.F. Paul Ricouer e a lógica do perdão. Horizonte, v. 17, n. 52, p. 414-435, jan./abr. 2019. Disponível em: http://periodicos.pucminas.br/index.php/horizonte/issue/view/1091. Acesso em: 20 out. 2019.
SANTOS, M. A. R. dos; SOARES, F. A. P. O ensino religioso e as políticas públicas educacionais: enfoques na contemporaneidade. Religare: revista do Programa de Pós-graduação em Ciências das Religiões da UFPB, v. 15, n. 1, p. 75-96, 2018. Disponível em: www.periodicos.ufpb.br. Acesso em: 12 jan. 2019.
SANTOS, R. O. dos; JUNQUEIRA, S. R. A. Ciência da religião aplicada no currículo do ensino religioso do estado do Pará. Religare: revista do Programa de Pós-graduação em Ciências das Religiões da UFPB, v. 15, n. 1, p. 97-126, 2018. Disponível em: www.periodicos.ufpb.br. Acesso em: 12 jan. 2019.
SARRAF-PACHECO, A. En el corazón de la Amazonia: identidade, saberes e religiosidade no regime das águas. 2009, 350f. Tese (Doutorado em História Social). Programa de Pós-graduação em História Social, Pontifícia Católica de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: https://sapientia.pucsp.br/bitstream/handle/13141/1/Agenor%20Sarraf%20Pacheco.pdf. Acesso em: 11 jun. 2015.
SCHAAN, D. P. Marajó: arqueologia, iconografia, história e patrimônio. Erechim, RS: Habilis, 2009.
SHIGUNOV NETO, A.; MACIEL, L. S. B. O ensino jesuítico no período colonial brasileiro: algumas discussões. Educar, Curitiba, n. 31, p. 169-189, 2008.
SILVA, T. T. da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.
VALENTE, G. A. A religiosidade na prática docente. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 98, n. 248, p. 198-211, jan./abr. 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2176-66812017000100198&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 15 nov. 2018.
WAGLEY, C. Uma comunidade amazônica: estudo do homem nos trópicos. 3. ed. Belo Horizonte: Itatiaia: São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1988.