Revisitando a experiência dos Programas Profissionais da área Ciências da Religião e Teologia/CAPES no Brasil

Main Article Content

Flávio Senra
Claudio de Oliveira Ribeiro
Dilaine Soares Sampaio

Resumo

A pesquisa foi desenvolvida considerando-se o debate sobre a especificidade da Pós-Graduação Profissional no âmbito da área Ciências da Religião e Teologia, da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), órgão que no Ministério da Educação brasileiro acompanha e avalia o Sistema Nacional de Pós-Graduação (SNPG). O objetivo principal das análises feitas foi construir um panorama de questões em torno do trabalho realizado pelos cursos de mestrados profissionais, incluindo os resultados por eles alcançados, somado a um elenco de aspectos que têm sido identificados como desafiadores para o aprofundamento e aprimoramento dessas práticas bem como as perspectivas que se abrem para essa modalidade de Pós-Graduação no Brasil. Metodologicamente, agrupamos a análise dos dados em dois momentos. O primeiro apresenta, em síntese, um histórico da Pós-Graduação Profissional na área Ciências da Religião e Teologia, com destaque para o conjunto de motivações e objetivos que levaram o Ministério da Educação e a CAPES a implementarem a modalidade de Programas Profissionais no país. Em especial, a reflexão se concentra na visão de uma prática profissional centrada em procedimentos e processos aplicados, visando a solução de problemas que emergem da realidade social. O segundo momento destaca (i) aspectos conceituais sobre a importância da pesquisa aplicada, em especial a tarefa de decolonização a ser desenvolvida no meio acadêmico, (ii) a contribuição das áreas e subáreas da Árvore do Conhecimento, especialmente a “Ciência da Religião Aplicada” e a “Teologia Prática”, (iii) o valor da produção técnica e a especificidade dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) para a Pós-Graduação Profissional, (iv) as potencialidades e limites da estrutura modular para o oferecimento dos créditos curriculares e (v) o perfil do egresso nesta modalidade.

Article Details

Como Citar
SENRA, F.; RIBEIRO, C. DE O.; SAMPAIO, D. S. Revisitando a experiência dos Programas Profissionais da área Ciências da Religião e Teologia/CAPES no Brasil. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 18, n. 55, p. 324, 30 abr. 2020.
Seção
Artigos/Articles: Temática Livre/Free subject
Biografia do Autor

Flávio Senra, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Professor adjunto do Departamento de Ciências da Religião e do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Bolsista de Produtividade em Pesquisa CNPq. Atualmente é o coordenador da área de Ciências da Religião e Teologia – CAPES.

 

Claudio de Oliveira Ribeiro, Universidade Federal de Juiz de Fora

Professor visitante do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Religião da Universidade Federal de Juiz de Fora. Atualmente é o coordenador dos Programas Profissionais da área de Ciências da Religião e Teologia – CAPES.

Dilaine Soares Sampaio, Univeridade Federal da Paraíba

Professora adjunta do Departamento de Ciências das Religiões e do Programa de Pós-Graduação em Ciências das Religiões da Universidade Federal da Paraíba. Atualmente é a coordenadora adjunta da área de Ciências da Religião e Teologia – CAPES.

Referências

AKOTIRENE, Carla. Interseccionalidade. São Paulo: Polén, 2019.
ALMEIDA, Silvio. Racismo estrutural. São Paulo: Pólen, 2019.
BERTH, Joice. Empoderamento. São Paulo: Polén, 2019.
CAMURÇA, Marcelo. Ciências Sociais e Ciências da Religião. Polêmicas e interlocuções. São Paulo: Paulinas, 2008.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Portaria 174, de 11 de outubro de 2016. Diário Oficial da União, Brasília, 13 out. 2016.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Resolução nº 1, de 4 de abril de 2017. Boletim de Serviço/CAPES, Brasília, Edição Especial nº 1, abr. 2017a.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Documento de área. Área Ciências da Religião e Teologia. Brasília, 1 jul. 2019a. Disponível em: https://www.capes.gov.br/avaliacao/sobre-as-areas-de-avaliacao/74-dav/caa2/4643-teologia Acesso em: 11 maio 2020.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Relatório de avaliação. Área Ciências da Religião e Teologia. Brasília, 20 set. 2017. Disponível em: https://www.capes.gov.br/avaliacao/sobre-as-areas-de-avaliacao/74-dav/caa2/4643-teologia Acesso em: 11 maio 2020.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Documento Orientador de APCN. Área Ciências da Religião e Teologia. Brasília, 15 de julho de 2019b. Disponível em: https://www.capes.gov.br/avaliacao/sobre-as-areas-de-avaliacao/74-dav/caa2/4643-teologia Acesso em: 11 maio 2020.
CAPES - COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR. Relatório do Seminário de Meio Termo. Área Ciências da Religião e Teologia. Brasília, 25 de outubro de 2019c. Disponível em: https://www.capes.gov.br/avaliacao/sobre-as-areas-de-avaliacao/74-dav/caa2/4643-teologia Acesso em: 11 maio 2020.
CARNEIRO, Aparecida Sueli. A construção do outro como não-ser como fundamento do ser. 2005. Tese (Doutorado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade de São Paulo, 2005.
COSTA, Matheus Oliva da. Ciência da religião aplicada como o terceiro ramo da Religionswissenschaft: História, análises e propostas de atuação profissional. Tese (Doutorado cm Ciência da Religião) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião da PUC-SP, São Paulo, 2019.
DAVIS, Angela. Mulheres, raça e classe. São Paulo: Boitempo, 2016.
FERREIRA, Amauri Carlos; SENRA, Flávio. Tendência interdisciplinar das Ciências da Religião no Brasil. O debate epistemológico em torno da interdisciplinaridade e o paralelo com a constituição da área no país. Numen, Juiz de Fora, v. 15, n. 2, jul./dez. 2012.
FLOR DO NASCIMENTO, Wanderson. Intolerância ou racismo? Jornal Hora Grande, Porto Alegre, outubro de 2016, ano XXI, edição 167, p. 15. Disponível em: https://www.academia.edu/31433487/Intoler%C3%A2ncia_ou_racismo? Acesso em: 15 maio 2020.
FLOR DO NASCIMENTO, Wanderson. O fenômeno do racismo religioso: desafios para os povos tradicionais de matrizes africanas. Revista Eixo, Brasília, v. 6, n. 2, maio/ago. 2017.
HANEGRAAFF, Wouter Jacobus. Definindo religião, apesar da história. Tradução de Fábio Leandro Stern. Religare, Paraíba, v. 14, n. 1, jan./jun. 2017.
MEC – MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria nº 389, de 23 de março de 2017. Diário Oficial da União, Brasília, 23 mar. 2017.
MEC – MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria Normativa nº 17, de 28 de dezembro de 2009. Diário Oficial da União, Brasília, 29 dez. 2009b.
MEC – MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Portaria Normativa nº 7, de 22 de junho de 2009. Diário Oficial da União, Brasília, 23 jun. 2009a.
MESQUIATTI, David & BROTTO, Julio Cesar de Paula. O trabalho de Conclusão de Curso (TCC) no Mestrado Profissional (MP): um estudo de caso do MP em Ciências das Religiões da Faculdade Unida (UNIDA). Estudos de Religião, São Paulo, v. 32, n. 1, jan./abr. 2018.
MINISTÉRIO DA JUSTIÇA E CIDADANIA. Relatório sobre intolerância e violência religiosa no Brasil (2011-2015): resultados preliminares; organização, Alexandre Brasil Fonseca, Clara Jane Adad. – Brasília: Secretaria Especial de Direitos Humanos, SDH/PR, 2016.
MINISTÉRIO DA MULHER, DA FAMÍLIA E DOS DIREITOS HUMANOS - DISQUE 100. Balanço Geral 2011 ao 1º semestre de 2019 - Discriminação Religiosa, 2019. Disponível em: https://www.gov.br/mdh/pt-br/acesso-a-informacao/ouvidoria/balanco-disque-100. Acesso em: 03 maio de 2020.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de. Como se discute Religião e Política? Controvérsias em torno da luta contra a intolerância religiosa no Rio de Janeiro. Comunicações do ISER, Rio de Janeiro, v. 69, p. 10-23, 2014. Disponível em: http://www.iser.org.br/site/comunicacoes-iser/. Acesso em: 15 maio 2020.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; CORRÊA, Roberta de Mello; ALMEIDA, Rosiane Rodrigues de. Intolerância religiosa: a construção de um problema público. Revista Intolerância Religiosa - Koinonia, Rio de Janeiro, v. 1, n. 2, jul./dez 2017.
NUNES, João Arriscado. O resgate da epistemologia. In: SANTOS, Boaventura de Souza; MENESES, Maria Paula (org.). Epistemologias do Sul. São Paulo: Cortez Editora, 2010. p. 261- 290.
PHILIPPI JÚNIOR, Arlindo; SILVA NETO, Antônio (org.). Interdisciplinaridade em ciência, tecnologia & inovação. Barueri: Manole, 2011.
RIBEIRO, Claudio de Oliveira. O princípio pluralista como elemento articulador de pesquisas na área Ciências da Religião e Teologia. Rever, São Paulo, v. 19, n. 2, maio/ago. 2019.
RIBEIRO, Claudio de Oliveira. Testemunho e Libertação: a Teologia Latino-Americana em Questão. São Paulo: Fonte Editorial, 2016.
ROCHA, Abdruschin Schaeffer; RIBEIRO, Osvaldo Luiz. Ciência(s) da Religião Aplicada(s): uma contribuição do mestrado profissional em ciências das religiões da Faculdade Unida de Vitória. Rever, São Paulo, v. 19, n. 2, maio/ago. 2019.
SAMPAIO, Dilaine Soares. Ciências da Religião e Teologia como área autônoma: reconfiguração do debate epistemológico, novos desafios e perspectivas para o estudo das (não) religiões e da(s) espiritualidade(s). Horizonte, Belo Horizonte, v. 17, n. 53, maio/ago. 2019.
SANTOS, Boaventura de Souza; MENESES, Maria Paula (org.). Epistemologias do Sul. São Paulo: Cortez Editora, 2010.
SENRA, Flávio. Estudos de Ciência(s) da(s) Religião(ões) e Teologia no Brasil: Situação atual e perspectivas. Rever, São Paulo, v. 15, n. 2, maio/ago. 2015.
SENRA, Flávio. O teólogo e o cientista da religião: Religiografia acerta das interfaces entre Ciências da Religião e Teologia no Brasil. Rever, São Paulo, v. 16, n. 1, jan./abr. 2016.
SENRA, Flávio. Programas profissionais. Situação atual e perspectivas na área Ciências da Religião e Teologia no Brasil. Reflexus, Vitória, v. 11, n. 18, jul./dez. 2017.
SENRA, Flávio; CAMPOS, Fabiano Victor; ALMEIDA, Tatiane. (org.). Epistemologia das Ciências da Religião. Curitiba, Editora CRV, 2020.
STERN, Fábio Leandro; COSTA, Matheus Oliva da (org.) Ciência da Religião Aplicada: ensaios pela autonomia e aplicação profissional [recurso eletrônico] / Fábio Leandro. Porto Alegre, Editora Fi, 2018. Disponível em: https://www.editorafi.org/506religiao. Acesso em: 15 maio 2020.
STRECK, Gisela; ALMEIDA, Thiago. Mestrado Profissional em Teologia da Faculdades EST: Panorama histórico e atuação profissional de egressos e egressas. Estudos Teológicos, São Leopoldo, v. 57, n. 1, jan./jun 2017.
TEIXEIRA, Faustino. Ciência da Religião e Teologia. In: PASSOS, João Décio; USARSKI, Frank (org.). Compêndio de Ciência da Religião. São Paulo: Paulinas: Paulus, 2013.
TWORUSCHKA, Udo. Ciência Prática da Religião: considerações teóricas e metodológicas. In: USARSKI, Frank. PASSOS, João Décio. Compêndio de Ciência da Religião. São Paulo: Paulinas: Paulus, 2013.
TWORUSCHKA, Udo. Considerações sobre a ciência prática da religião. In: STERN, Fábio L.; COSTA, Matheus Oliva da (org.) Ciência da Religião Aplicada: ensaios pela autonomia e aplicação profissional [recurso eletrônico] / Fábio Leandro. Porto Alegre: Editora Fi, 2018. Disponível em: https://www.editorafi.org/506religiao. Acesso em: 15 maio 2020.
VILLAS BOAS, Alex. Introdução à epistemologia do fenômeno religioso interface entre ciências da religião e teologia. Curitiba: Editora Intersaberes, 2020.
VILLAS BOAS, Alex. Perspectiva interdisciplinar da teologia no Brasil: O. debate epistemológico da Área de Ciências da Religião e Teologia. Interações, v. 13, n. 24, ago./dez. 2018.
VON SINNER, Rudolf. Teologia pública no Brasil um primeiro balanço. Perspectiva Teológica, v. 44, n. 122, maio/ago. 2012.
WIRTH, Lauri Emílio. Religião e epistemologias pós-coloniais. In: PASSOS, João Décio. USARSKI, Frank. Compêndio de Ciência da Religião. São Paulo: Paulinas, Paulus, 2013. p. 129-142.