Deus: além do nome, além da significação (God: beyond the name, beyond the meaning) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2010v8n16p47

Main Article Content

Márcio Antônio de Paiva
Luiz Fernando Pires Dias

Resumo

A história do pensamento ocidental, desde seus primórdios na Grécia Antiga até os tempos atuais, é transpassada pela questão de Deus, que mantém a sua relevância mesmo no contexto pós-metafísico no qual estamos inseridos. A busca pelo significado derradeiro da existência humana justapõe a questão do homem à questão de Deus, que adquire, dessa forma, um status imperativo. Mas, como articular o discurso sobre Deus na atual conjuntura, caracterizada por uma visão materialista e imediatista da existência humana? Em nossa reflexão, buscamos analisar as perspectivas da linguagem em relação à abordagem de Deus. Verificamos a impossibilidade da utilização de uma linguagem determinativa, com pretensões de definições últimas, no discurso sobre o Absoluto, visto que a experiência de Deus suscita múltiplas representações, sendo todas elas visões parciais de uma realidade inacessível ao cálculo racional. Diante disso, buscamos percorrer a via delineada por Emmanuel Levinas, que não se apressa em nomear o Infinito, mas aborda sua significação a partir da trama ética. Consideramos esperançosa tal abordagem, frente aos desafios que se apresentam nos tempos contemporâneos.

Palavras-chave: Deus; cálculo racional; ética; Levinas.

 

Abstract

The history of western thought, since its beginning in ancient Greece up to now, is surrounded by God, who has kept his relevance even in the post - metaphysical context in which we are in. The ultimate search for the real meaning of human existence juxtaposes mankind and God, therefore it acquires an imperative status. However, how does one formulate the speech about God nowadays, when there is a materialistic view of human existence? In this reflection, we intend to analyze the perspectives of language in relation to God. It is identified the impossibility of use of certainty in language, claiming correct definitions in the speech about The Absolute, once that the experience of God raises multiple interpretations, and all of them are partial views of an inaccessible reality to the rationale. Therefore, we tend to follow Emmanuel Levinas’ line of thought which is not in a hurry to name the Infinity, but deals with its meaning through ethics. Such thought is considered to be hopeful regarding the challenges that appear in the contemporary times.

Key words: God; rational calculation; ethics; Levinas.

Article Details

Como Citar
PAIVA, M. A. DE; DIAS, L. F. P. Deus: além do nome, além da significação (God: beyond the name, beyond the meaning) - DOI: 10.5752/P.2175-5841.2010v8n16p47. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 8, n. 16, p. 47-61, 30 mar. 2010.
Seção
Artigos/Articles: Dossiê/Dossier
Biografia do Autor

Márcio Antônio de Paiva, PUC Minas

Doutor em Filosofia, professor do Programa de Pós-graduação em Ciências da Religião e Diretor do Instituto de Ciências Humanas da PUC Minas. 

Luiz Fernando Pires Dias, PUC Minas

Mestrando em Ciências da Religião da PUC Minas