Para o estudo da tradição bíblica manuscrita: uma nova proposta para o estudo do códice 2437

Anderson de Oliveira Lima

Resumo


O artigo que apresentamos à Revista Horizonte propõe um novo caminho para o estudo do códice 2437, um manuscrito em língua grega escrito entre os séculos XII e XIII que traz os quatro evangelhos do Novo Testamento canônico. O interesse por este documento é crescente e se justifica por ser ele parte do acervo da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, sendo considerado o mais antigo manuscrito existente na América Latina. Trata-se, portanto, de um patrimônio cultural e material que devemos preservar e conhecer. O novo caminho sugerido pretende complementar os estudos tradicionais da crítica textual com um referencial metodológico que foi extraído da História da Cultura Escrita e dos estudos literários contemporâneos, áreas do conhecimento que nos incentivam a tomar este e outros livros não apenas para lidar com seus conteúdos, mas também para considerar alguns aspectos de sua materialidade, os diferentes paratextos neles inclusos e a história de seus usos e leituras.


Palavras-chave


Códice 2437, Bíblia como Literatura, Materialidade da literatura, Interpretação Bíblica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.5752/P.2175-5841.2016v14n42p284

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Esta obra está licenciada sob uma Attribuiton 4.0 Internacional:  
Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)

 

Redes Sociais:

 

 

Filiada: Apoio:

Logotipo do IBICT

 

 

 

Indexadores e Repositórios/Banco de dados:


Latindex Sumários de Revistas   Brasileiras



 

Presença em algumas bibliotecas no exterior: