O risco de não ir a Jerusalém. Lendo o Salmo 127 no contexto dos Salmos 120-134

Main Article Content

Osvaldo Luiz Ribeiro

Resumo

O tema do artigo é a análise retórica do Salmo 127 no contexto dos “Salmos das Subidas” (Salmos 120 a 134). O objetivo consiste em analisar a relação retórica possível entre o sentido da composição e o desempenho processional dos peregrinos de Jerusalém. Especificamente, trata-se de perguntar pela relação entre o conteúdo do salmo e a peregrinação para Jerusalém, a que sua leitura estaria por hipótese destinada. A metodologia consiste a) em tradução do salmo, b) análise de sua posição relativa na estrutura quiástica da coleção, c) diálogo crítico com autoridades do campo dos comentários aos Salmos d) e proposição de leitura alternativa em relação ao conjunto das leituras da literatura. Concluiu-se que o Salmo 127 pode ter sido composto como alerta ou ameaça quanto ao risco de adiar-se a peregrinação a Jerusalém por força de razões que poderiam resultar na contrariedade de Yahweh, aquele que, em última análise, se não estiver contrariado, é quem garante a eficiência daquelas atividades que ora se alegariam como razões para abster-se da peregrinação.

Article Details

Como Citar
RIBEIRO, O. L. O risco de não ir a Jerusalém. Lendo o Salmo 127 no contexto dos Salmos 120-134. HORIZONTE - Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, v. 16, n. 49, p. 166-193, 30 abr. 2018.
Seção
Artigos/Articles: Dossiê/Dossier
Biografia do Autor

Osvaldo Luiz Ribeiro, Faculdade Unida de Vitória

Pós-doutor em Ciênca da Religião - UFJF.Doutor em Teologia - PUC-Rio
Professor do Mestrado em Ciências das Religiões da Faculdade Unida de Vitória