[1]
H. Renders, “A cultura visual religiosa como linguagem religiosa própria: propostas de leitura”, Horizonte, vol. 17, nº 53, p. 702, ago. 2019.