[1]
A. M. Naves, “Representações do Diabo no cordel de Manoel D’Almeida Filho”, Horizonte, vol. 17, nº 53, p. 1338, ago. 2019.