EXPERIÊNCIAS PARA A EDUCAÇÃO PATRIMONIAL VISANDO A EDUCAÇÃO RELIGIOSA

Main Article Content

Sérgio Junqueira

Resumo

A educação patrimonial voltada ao patrimônio religioso refere-se a um processo permanente de trabalho educacional centrado no espaço sagrado como fonte primária de conhecimento e enriquecimento individual e coletivo. A presente pesquisa pretende, por meio de um estudo de caso qualitativo, apresentar e realizar uma análise de três atividades de educação patrimonial realizadas em Curitiba, o roteiro 'Na Trilha do Sagrado', a 'visita guiada na Catedral Basílica Menor Nossa Senhora da Luz' e a 'visita noturna ao Cemitério Municipal de Curitiba' com a finalidade de compreender a importância da mediação no patrimônio cultural para a educação cultural e religiosa dos participantes. Os resultados da pesquisa apontam que a atividade de educação patrimonial em espaços voltados para o sagrado os aproximam da sociedade, auxiliam na preservação da memória, na criação de um sentimento de pertença e para criação de um elo entre passado e presente que podem auxiliar tanto na conservação desse bem quanto na difusão do conhecimento. Conclui-se que conhecer o diversificado patrimônio religioso da cidade permite ao indivíduo respeitar as diferentes manifestações culturais e a melhor compreendê-las, aliando assim conhecimento, ação e preservação.

Article Details

Como Citar
JALUSKA, T.; JUNQUEIRA, S. EXPERIÊNCIAS PARA A EDUCAÇÃO PATRIMONIAL VISANDO A EDUCAÇÃO RELIGIOSA. INTERAÇÕES, v. 14, n. 26, p. 332-360, 26 dez. 2019.
Seção
ARTIGOS

Referências

BARRETTO, Margarete. Turismo e legado cultural: as possibilidades do planejamento. Campinas: Papirus, 2000. 96 p.

BRASIL. Ministério da Educação. Educação Patrimonial. Brasília, DF: Programa Mais Educação, 2010. Disponível em: portal.iphan.gov.br/baixaFcdAnexo.do?id=3838. Acesso em 05 abr. 2015.

CASSIRER, Ernst. Ensaio sobre o homem: introdução a uma filosofia da cultura humana. São Paulo: Martins Fontes, 1994.

CHOAY, Françoise. A alegoria do patrimônio. São Paulo: Universidade Estadual Paulista, 2001. 282 p.

CICERONE. La natura divina. 4 ed. Milano: Biblioteca Universale Rizzoli, 1998.

CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS. Excerto de parecer sobre o Ensino Religioso nas escolas de 1o e 2o graus do Sistema Estadual de Ensino. Belo Horizonte: Mimeo, 1980.

CURITIBA. Prefeitura Municipal. Meio Ambiente. Curitiba: PC, 2017. Disponível em: http://www.curitiba.pr.gov.br/Cidade. Acesso em: 26 maio 2017

FENIANOS, Eduardo Emílio; SADE, Sérgio. Centro, aqui nasceu Kúrýtýba. Curitiba: UniverCidade, 1996. 97 p.

GIL FILHO, Sylvio Fausto. Espaço Sagrado: estudos em Geografia da Religião. Curitiba: Ibpex, 2008. 119 p.

HORTA, Maria de Lourdes Parreiras; GRUNBERG, Evelina; MONTEIRO, Adriane Queiroz. Guia básico de educação patrimonial. Brasília: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, Museu Imperial, 1999. Disponível em:
https://www.facebook.com/catedralcuritiba. Acesso em: 14 jun. 2017.

INSTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO DE CURITIBA. História do Planejamento. Disponível em: http://www.ippuc.org.br/pensando_a_cidade/. Acesso em: 26 maio 2017.

MESLIN, Michel. A experiência humana do divino: fundamentos de uma antropologia religiosa. Petrópolis: Vozes, 1992.

NOBRE, Cristina. Alvorecer do turismo cultural na primeira metade do século XX: Afonso Lopes Vieira e a valorização do patrimônio da região de Leiria. In: CONGRESSO TURISMO CULTURAL TERRITÓRIOS E IDENTIDADES. [Leiria], 30 nov. 2006. Disponível em: https://iconline.ipleiria.pt/bitstream/10400.8/611/1/Alvorecer%20do%20turismo%20cultural_CN.pdf. Acesso em: 29 dez. 2019.

OLIVEIRA, Francisco Arsego de. A experiência de Deus. Pelotas: Educat, 1997.

SANTANA, Mariely. Patrimônio, turismo e identidade cultural. Bahia, análise e dados: Revista da Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia, Salvador, v.11, n.2, p. 169-173, set. 2001.

SANTOS, Fausto Henrique dos. Metodologia aplicada em museus. São Paulo: Mackenzie, 2001. 225 p.

SCHLESINGER, Hugo; PORTO, Humberto. Dicionário Enciclopédico das Religiões. v. 2. Petrópolis: Vozes, 1995.

SOUZA FILHO, Carlos Frederico Marés. Bens culturais e sua proteção jurídica. Curitiba: Juruá, 2005. 177 p.

VALLE, Edênio. Experiência religiosa: enfoque psicológico. In: BRITO, Ênio José da Costa; GORGULHO, Gilberto da Silva. (org.). Religião ano 2000. São Paulo: Loyola, 1998.

VIANA, Uhelinton Fonseca. Patrimônio e educação: desafios para o processo de ensino e aprendizagem. 2009. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2009.

ZILLES, Urbano. Filosofia da religião. São Paulo: Paulinas, 1991.