TEXTOS QUE ABREM PORTAS a leitura popular da Bíblia apresentada a partir de textos bíblicos

Main Article Content

Joilson de Souza Toledo

Resumo

A Leitura Popular da Bíblia foi/é uma das grandes contribuições da interpretação que a Igreja no Brasil fez das intuições do Concílio Vaticano II. Nesta trajetória, Carlos Mesters e o Centro Ecumênico de Estudos Bíblicos (CEBI) são grandes expoentes. A preocupação com um método de leitura da bíblia que contribuísse (e tivesse significado) para a vida das pessoas foi um dos objetivos centrais. O uso de leituras bíblicas como síntese metodológica e a compreensão do êxodo como evento fundante também marcam este estilo hermenêutico. O presente artigo visa fazer uma recapitulação desse processo a partir de uma literatura próxima do CEBI, bem como sinalizar possibilidades hermenêuticas para uma leitura bíblica a partir dos jovens.

Article Details

Como Citar
TOLEDO, J. DE S. TEXTOS QUE ABREM PORTAS. INTERAÇÕES, v. 15, n. 1, p. 178-196, 10 jul. 2020.
Seção
ARTIGOS
Biografia do Autor

Joilson de Souza Toledo, PUC GOIÁS

Mestre em Ciências da Religião pela PUC Goiás. Pós-graduado em Juventude no Mundo Contemporâneo pela FAJE e em Formação para a Vida Religiosa Consagrada pela ESTEF. Graduado em Teologia pelo CESJF e em Gestão Pastoral pelo ISTA. Número ORCID: 0000-0002-7891-9864. E-mail:mistagogo@yahoo.com.

Referências

ANDIÑACH, Pablo R. O livro do Êxodo: um comentário exegético-teológico. São Leopoldo: Sinodal/EST, 2010.

ANDIÑACH, Pablo R. Introducción hermenéutica al Antiguo Testamento. 2 reimp. Estella: Verbo Divino, 2014a.

ANDIÑACH, Pablo R. O Êxodo como centro do mundo e do tempo: a teologia do Deus que está, do Deus que liberta. In: Bíblia e cultura: tradição, tradução e exegese: debatendo as diferentes leituras da Bíblia. São Paulo: Fonte Editorial, 2014b, p. 55-77.

ARMSTRONG, K. A Bíblia: uma biografia. Rio de Janeiro: Zahar, 2007.

BERGER, Peter. O dossel sagrado: elementos para uma teoria sociológica da religião. Trad. José Carlos Barcelos. São Paulo: Paulinas, 1985.

BÍBLIA SAGRADA EDIÇÃO PASTORAL. 69 impr. São Paulo: Paulus, 1990.

BORAN, Jorge. Senso Crítico e Método Ver-Julgar-Agir: para pequenos grupos de base. 5 ed. São Paulo: Loyola, 1982.

CLIFFORD, Richard. Êxodo. In: BROWN, Raymond; FITZMYER, Joseph; MURPHY, Roland E. Novo comentário bíblico São Jerônimo: Antigo Testamento. São Paulo: Paulus, 2007.

DREHER, Carlos A. A caminho de Emaús: leitura bíblica e educação popular. São Leopoldo: CEBI, 2011.

LÖWY, Michael. A Guerra dos deuses: religião e política na América Latina. Petrópolis: Vozes, 2000.

LÖWY, Michael. O que é cristianismo da libertação: religião de política na América Latina. São Paulo: Expressão Popular, 2016.

MELO, Agostinha V. de; MESTERS, Carlos; CAVALCANTI, Tereza. E o coração pegou fogo: o fio que costura tudo. Notícias do 1º Encontro de Espiritualidade do CEBI. São Leopoldo: CEBI, 1993.

MESTERS, Carlos. Seis dias nos porões da humanidade. 3 ed. Petrópolis: Vozes, 1978.

MESTERS, Carlos. Flor sem defesa: uma explicação da Bíblia a partir do povo. 5 ed. Petrópolis: Vozes, 1983.

MESTERS, Carlos. Por trás das palavras: um estudo sobre a porta de entrada no mundo da Bíblia. 5 ed. Petrópolis: Vozes, 1984.

MESTERS, Carlos. Balanço de 20 anos: a Bíblia lida pelo povo na atual renovação da Igreja Católica no Brasil 1964-1984. São Leopoldo: CEBI, 1988.

MESTERS, Carlos; OROFINO, Francisco. O Caminho por onde caminhamos: reflexões sobre o método de interpretação da Bíblia. São Leopoldo: CEBI, 2006.

NOVAES, Regina. Trajetórias Juvenis: desigualdades sociais frente aos dilemas de uma geração. In: FERÉS, Maria José Vieira et al. Texto complementares para formação de gestores. Brasília: ProJovem Urbano, 2008, p. 42-52.

OROFINO, Francisco. As releituras do Êxodo na Bíblia. In: REIMER, Haroldo; SILVA, Valmor da (org.). Libertação – liberdade: novos olhares. contribuições ao II Congresso Brasileiro de Pesquisa Bíblica. Goiânia: UCG; São Leopoldo: Oikos, 2008, p. 27-36.

OTTO, Rudolf. O Sagrado. São Bernardo do Campo: Imprensa Metodista, 1985.

PEREIRA, Antônio da Silva. Leitura da Bíblia em Carlos Mesters: uma interpretação
equivocada. REB, Petrópolis, fasc. 224, p. 945-55, dez. 1996.

PEREIRA, Nancy Cardoso; MESTERS, Carlos. A Leitura Popular da Bíblia: à procura da moeda perdida. São Leopoldo: CEBI, 2011.

PIXLEY, George V. Êxodo: grande comentário Bíblico. São Paulo: Paulinas, 1987.

RIBEIRO, Osvaldo L. A Sarça? Como assim “queimava”?: história e níveis redacionais em Ex 3, 1-6. Revista de Cultura Teológica. São Paulo, v. 12, n. 49, p. 55-78, out/dez, 2004.

SCHWANTES, Milton. O Êxodo como evento exemplar. Estudos Bíblicos: a memória popular do Êxodo. Petrópolis, 2 ed., n. 16, p. 9-18, 1996.

SCHWANTES, Milton. “Fazei sair meu povo Israel do Egito”: anotações sobre Êxodo 3. Estudos de Religião. São Bernardo do Campo, ano XII, n. 14, p. 23-33, julho, 1998.

SCHWANTES, Milton. Prédica Êxodo 3, 1-14. Pregação: 08/09/1987. Disponível em: http://www.luteranos.com.br/conteudo/xodo-3-1-14. Acesso em: 17 set. 2014/11 jun. 2020.

SILVA, Valmor da. Leituras do Êxodo na América Latina. In: REIMER, Haroldo; SILVA, Valmor da (org.). Libertação – liberdade: novos olhares – Contribuições ao II Congresso Brasileiro de Pesquisa Bíblica. Goiânia: UCG; São Leopoldo: Oikos, 2008, p. 13-26.

SOFIATI, Flávio Munhoz. Juventude Católica: o novo discurso da teologia da libertação. São Carlos: EdUFSCar, 2012.

WEBER, Max. Economia e sociedade. v. 1. Brasília: UNB, 1991.