A COMPREENSÃO RELACIONAL DE CRIAÇÃO DIVINA NA MÍSTICA DE MESTRE ECKHART

Main Article Content

Gilberto Gonçalves Garcia

Resumo

Este artigo aborda a ideia da Criação em Mestre Eckhart concebida como uma compreensão relacional de mundo, na qual as criaturas são compreendidas em permanente auto realização. Em sua “ontologia da relacionalidade”, o todo só pode existir na articulação do particular e o particular possui sua realidade na articulação do todo. A relação entre as criaturas se processa ao modo de relações de partes dentro do todo. Para o pensamento de Eckhart a relação a priori do todo com a parte, no entanto, se constitui num princípio. Sua doutrina resume uma teologia que busca descobrir a possibilidade ontológica que preserve, ao mesmo tempo, a identidade e a diferença absoluta, na relação entre Deus e criatura.

Article Details

Como Citar
GARCIA, G. G. A COMPREENSÃO RELACIONAL DE CRIAÇÃO DIVINA NA MÍSTICA DE MESTRE ECKHART. INTERAÇÕES, v. 7, n. 11, p. 63-75, 11.
Seção
DOSSIÊ FILOSOFIA DA RELIGIÃO (II)
Biografia do Autor

Gilberto Gonçalves Garcia, PUC Minas

Doutor em Filosofia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Professor do Programa
de Pós -graduação stricto sensu em Ciências da Religião da Pontifícia Universidade Católica de Goiás
– PUC-GO e atuante na área de fenomenologia da religião.