PENSAR O INCONCEBÍVEL: Exposição crítica da filosofia da religião de simon Frank

Main Article Content

Hubert Jean-François Cormier

Resumo

O presente artigo pretende mostrar a visão do filósofo russo Simon Frank sobre a maneira como a inteligência humana capta aquilo que para ela é mistério, desconhecido, inconcebível. Veremos, primeiramente, como Frank critica o “saber objetal” considerado por ele a matriz do racionalismo filosófico contemporâneo. Em seguida, abordaremos sua visão do ser que
supera o saber “objetal” buscando justificar a douta-ignorância como sendo a única maneira de se estabelecer uma epistemologia coerente para uma filosofia da religião.

Article Details

Como Citar
CORMIER, H. J.-F. PENSAR O INCONCEBÍVEL: Exposição crítica da filosofia da religião de simon Frank. INTERAÇÕES, v. 7, n. 11, p. 87-98, 11.
Seção
DOSSIÊ FILOSOFIA DA RELIGIÃO (II)
Biografia do Autor

Hubert Jean-François Cormier, PUC Minas

Doutor em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2008). Possui graduação
em Antropologia pela Universidade de Brasília (1995) e mestrado em Filosofia pela Universidade
de Brasília (2002). Atualmente é professor adjunto em filosofia da religião na UNB.
Trabalha com os seguintes temas filosóficos: Estética, Ética, Imaginário e Filosofia da Religião.