[1]
L. E. G. de Moura, “VIOLÊNCIA, HUMOR E RELIGIÃO”, Interações, vol. 14, nº 26, p. 361-375, dez. 2019.