A MORADA DA ESPIRITUALIDADE EM CUIDADOS PALIATIVOS: a escuta do sofrimento

  • Amauri Carlos Ferreira
  • Maria Emídia de Melo Coelho

Resumo

Esse artigo discute o cuidado do outro em situações de sofrimento psíquico frente a a-meaças intermitentes da doença e da morte. A categoria da esperança faz sua morada na espiritualidade, que é ética, ao refletir sobre o outro em uma escuta cuidadosa do sofri-mento alheio. O cuidar do outro em cuidados paliativos implica compreender a categoria da transcendência como necessidade da espécie humana, independentemente de religi-ão. É neste sentido que as situações de fragilidade e limite se apresentam à equipe de cuidados paliativos, ao trazer em cena a dor corporal e o sofrimento do espírito. Este ar-tigo reflete o campo aberto da espiritualidade em uma fronteira interdisciplinar, na qual a saúde se hospeda numa ética do cuidado e da esperança.

Palavras-chave: Espiritualidade. Cuidados Paliativos. Dor. Sofrimento. Saúde.

Biografia do Autor

Amauri Carlos Ferreira
Graduado em Filosofia, Mestre (PUC-SP), Doutor (UMESP) em Ciências da Religião, Pós doutor (UFMG) em Educação, Professor de Filosofia da PUC Minas e do Instituto Santo Tomás de Aquino - ISTA, Belo Horizonte – Minas Gerais. E-mail: mitolog@pucminas.br.
Maria Emídia de Melo Coelho
Graduada em Psicologia, Mestre em Ciências da religião (PUC Minas), Membro da Diretoria Adjunta da SOTAMIG – Sociedade de Tanatologia e Cuidados Paliativos de Minas Gerais. E-mail: mariaemidia.coelho@gmail.com

Referências

ARANTES, Ana Cláudia Quintana. A morte é um dia que vale a pena viver. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2016.

COELHO, Maria Emidia de Melo. Espiritualidade no processo de adoe-cimento e terminalidade. 2011. 210f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) – Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2011

FERREIRA. Amauri Carlos. Filosofia e Envelhecimento. In: COMPOSTRI-NI, Eliana. (Org.). Odontogeriatria. Rio de Janeiro: Revinter, 2004. p.3-6.

FIGUEIREDO, Luis Claúdio. As diversas faces do cuidar: considerações sobre a clínica e a cultura. In: MAIA, Marisa Schargel (Org.). Por uma é-tica do cuidado. Rio de Janeiro: Garamond, 2009. p.121-140.

GRASSI, Marie Clair. Hospitalidade - transpor a soleira. In: MONTAN-DON, Alain (Org.). O livro da Hospitalidade - Acolhida do estrangeiro na História e nas Culturas. São Paulo: Senac, 2011.

GUIMARÃES, Regina Maria. Filosofia dos Cuidados Paliativos. In: SALTZ, Ernani; JUVIER, Jeane (Org.). Cuidados Paliativos em Oncologia. Rio de Janeiro: Senac, 2014.

HOMERO, Ilíada. Trad. Frederico Lourenço. São Paulo: Penguin Classics Companhia das letras, 2013.

KOVÁCS, Maria Júlia. Educação para a morte: temas e reflexões. São Paulo: Casa do Psicólogo/Fapesp, 2003.

KUBLER-ROSS, Elisabeth. Sobre a morte e o morrer. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

LELOUP, Jean Yves; HENNEZEL, Marie de. A arte de morrer. Petrópolis, RJ: Vozes, 1999.

LOPES, Adriana Dias. A ética na vida e na morte. Revista Veja, São Pau-lo, n.17, p.100-108, 28 abr. 2010.

LORAUX, Nicole. A Tragédia Grega e o Humano. In: NOVAES, Adauto (Org.). Ética. São Paulo: Cia das Letras, 1992.

MATÉ, J.; JUAN, E. Que dizem os especialistas sobre as necessidades es-pirituais. In: SOCIEDADE ESPANHOLA DE CUIDADOS PALIATIVOS. El acompanãmento espiritual em cuidados paliativos. Barcelona: SECPAL, 2008. p. 24-52.

OLIVEIRA, José Ricardo. Silêncio. Belo Horizonte: Lutador, 2009.

Publicado
30-08-2019
Seção
Artigos