A IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DAS IMPLICAÇÕES ENTRE A FORMAÇÃO DE VÍNCULOS INTERSUBJETIVOS E O DESENVOLVIMENTO DA AFETIVIDADE HUMANA: UMA PROPOSTA TEÓRICA

  • Paulo Vinicius Bachette Alves Viana Universidade de São Paulo
  • Reinaldo Furlan Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Psicologia do desenvolvimento infantil, afetividade, vínculos, intersubjetividade

Resumo

No âmbito da Psicologia do desenvolvimento, têm-se realizado pesquisas que buscam investigar os processos desenvolvimentais em suas dimensões cognitivas, sociais e biológicas em todo o ciclo da vida. Nesse contexto, este trabalho buscou evidenciar o papel destacado da afetividade como dimensão essencial no processo desenvolvimental do sujeito, já que esta parece se situar no cerne da vida social, conferindo significação e sentido para a existência. Com base em alguns marcadores em Bowlby e Wallon que situam a emergência do psíquico sobre a base biológica e o caráter relacional-afetivo desse processo, buscamos as implicações entre a formação de vínculos intersubjetivos e o desenvolvimento da afetividade humana, destacando as reflexões de Merleau-Ponty e Philippe Rochat sobre a Psicologia do desenvolvimento infantil.

Palavras-chave: Psicologia do desenvolvimento infantil. Afetividade. Vínculos. Intersubjetividade.

Biografia do Autor

Paulo Vinicius Bachette Alves Viana, Universidade de São Paulo
Pós Graduando em Mestrado pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Reinaldo Furlan, Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo
Possui graduação em Licenciatura Plena em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1982), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de São Carlos (1993) e doutorado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (1997). Realizou estágio de pós-doutoramento na Universidade Jean Moulin, Lyon 3, França (2013-2014), com bolsa Fapesp e colaboração de Étienne Bimbenet. Atualmente é professor livre-docente da Universidade de São Paulo. Atua como professor de filosofia no curso de psicologia (graduação e pós-graduação) da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto - USP. Área de concentração: filosofia francesa contemporânea. Projeto atual: fenomenologia da vida social contemporânea (trata-se de investigar, de um ponto de vista psicossocial, problemas e desafios da sociedade moderna contemporânea, em particular, o tipo de subjetividade produzida na forma de vida atual promovida pela expansão do neocapitalismo).
Publicado
20-05-2020
Seção
Artigos / Articles / Artículos