De um caso clínico à pesquisa: considerações sobre a transferência na clínica da paranoia

  • Tulíola Almeida de Souza Lima PUC Minas.
  • Antônio Márcio Ribeiro Teixeira UFMG
Palavras-chave: Clínica da paranoia, Tratamento do Outro, Manejo da transferência, Saúde mental.

Resumo

Este artigo é resultado da elaboração de uma dissertação de mestrado sobre o tema da transferência na clínica psicanalítica da psicose paranoica. Apresenta-se um caso clínico acompanhado pelos autores, considerando aspectos da teoria de Lacan, em acréscimo à formulação de Freud, a respeito da psicose e da dificuldade técnica do manejo da transferência nessa estrutura. Em seguida, abordam-se contribuições teóricas de Zenoni e Soler sobre a clínica da psicose. O método utilizado foi o de leitura teórica comentada, comparada ao observado na prática. São apresentadas conclusões sobre a postura do analista no tratamento da paranoia e o modo de manejo da transferência que o paciente paranoico desenvolve: indica-se a presença de um Outro que não vise o sujeito, um Outro retificado pelo próprio tratamento psicanalítico, que sirva como nova referência simbólica para o paciente, contribuindo assim para que ele mantenha seus laços de maneira suportável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tulíola Almeida de Souza Lima, PUC Minas.
Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais e Mestrado em Psicologia - Estudos Psicanalíticos pela UFMG. Tem experiência na área de Psicologia Clínica, Psicanálise e Acompanhamento Terapêutico, atuando principalmente nos seguintes temas: clínica da psicose, saúde mental, transferência na paranoia. Atualmente é Residente em Saúde Mental (ESP-MG), atuando na rede de saúde de Betim-MG.
Seção
Artigos / Articles / Artículos