Produção científica na área da psicologia referente à temática da morte

  • Suane Pastoriza Faraj Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • Sabrina Daiana Cúnico Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • Alberto Manuel Quintana Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
  • Carmem Lúcia Colomé Beck Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Palavras-chave: Psicologia, Morte, Tanatologia

Resumo

Este estudo buscou conhecer o que tem sido publicado pelos profissionais da Psicologia sobre a morte, visando contribuir para o conhecimento científico e para intervenções adequadas na atuação profissional, uma vez que esta temática se faz presente no cotidiano profissional do psicólogo. Realizou-se uma revisão sistemática de literatura entre os anos de 2002 e 2012, utilizando-se das bases de dados Scielo e Pepsic, considerando como descritores tanatologia, psicologia e morte. A análise das informações foi realizada através da análise de conteúdo, a partir da qual as categorias: Concepções sobre a morte, Família e morte, Ensino e morte, Profissionais da saúde e morte, Instituições e morte e Pulsão de morte, foram elencadas. Os resultados apontam certa carência de pesquisas, reforçando a importância de que mais estudos sejam realizados a fim de aprofundar tais compreensões acerca da temática da morte, sustentando a noção da presença da morte como parte integrante da vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Suane Pastoriza Faraj, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Psicóloga, mestranda em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).
Sabrina Daiana Cúnico, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Psicóloga, mestranda em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).
Alberto Manuel Quintana, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Prof. Dr. do Departamento de Psicologia e do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Carmem Lúcia Colomé Beck, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Prof.ª Dr.ª do Programa de Pós-Graduação em Psicologia e do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM)
Publicado
10-03-2014
Seção
Artigos / Articles / Artículos