Vergonha de amar: força da diferença na relação de Riobaldo e Diadorim

  • Maria de Lourdes Abreu de Oliveira Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora
Palavras-chave: Eros e Tanatos, Amor e vergonha, Ciência e segredo, Tabu.

Resumo

Abordagem  do jogo entre desejo e repressão no percurso pelos tor­tuosos caminhos que cond u zem de Eros para Tanatos na relação de Riobaldo e Diadorim, personagens  de Grande sertão: veredas,  de João Guimarães Rosa. Importância do controle de Eros - manifesto como caminho no sentid o da vida - para o bom andamento  das rela­ ções do grupo. Tanatos - movimento  que nega a vida- e a anulação dos impulsos  naturais através da violência e da rejeição. O código ético do sertão. A força da diferença na determinação da sexu al i dad e. Tabu e vergonha de amar. Mascaramento  do saber pelas armadilhas do olhar. O objeto do desejo e o falseamento  do visto. O ver e o saber ver. Amor, ciência e segredo.

Referências

BÍBLIA Sagrada. Rio de Janeiro: Barsa, 1972.

FREUD, Si gm u nd. Além do princípio de prazer, psicologia de grupo e outros traba­lhos. Tradução Christia n o Montei ro Oiticica. Ri o de Janei ro: I mago, 1976. v. 1 8.

FREUD, Sigmund. Totem e tabu. Rio de Janeiro: !mago, 1999.

LA TAILLE, Yves de. Vergonha, a ferida moral. Petrópolis: Vozes, 2002. MARCUSE, Herbert. Eros e civilização. Rio de Janeiro: Za h ar, 1 972.

OLIVEIRA, Maria d e Lou rd es Abreu de. Eros e Tanatos no universo textual de Ca­mões, Antero e Redol. São Paul o: Annablume, 2000.

ROSA, João Guimarães. Grande sertão: veredas. 4. ed. Rio de Janciro: José Olympio, 1965.

Publicado
13-10-2005
Como Citar
Oliveira, M. de L. A. de. (2005). Vergonha de amar: força da diferença na relação de Riobaldo e Diadorim. Scripta, 9(17), 241-249. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/14098