Adesão à prática de atividade física não-supervisionada: estudo de casos de pacientes oncológicos submetidos a quimioterapia

  • Maria Carolina Gomes Pimenta PUC Minas em Betim
  • Natália Carla da Silva PUC Minas em Betim
  • Gisele do Carmo Leite Machado Diniz Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Betim
Palavras-chave: Quimioterapia, exercício, qualidade de vida.

Resumo

Alguns dos efeitos adversos da quimioterapia podem ser minimizados com a prática de atividade física. Assim, os objetivos do presente estudo foram avaliar a adesão de pacientes oncológicos a um protocolo de atividade física e comparar a percepção de qualidade de vida dos mesmos durante três ciclos de quimioterapia. Trata-se de um estudo de casos, observacional longitudinal no qual participaram pacientes submetidos à quimioterapia na Cetus Hospital Dia Oncologia, Betim/MG. Inicialmente, foi utilizado um questionário de identificação sócio-clínico-demográfica e outro de prontidão para atividade física. Em seguida, um terceiro questionário foi aplicado para avaliar a qualidade de vida destes indivíduos. Participaram do estudo três pacientes previamente sedentários sendo P1 (53 anos/ câncer de esôfago), P2 (50 anos/ câncer de mama) e P3 (64 anos/ câncer de pulmão). Em relação à atividade física, P1 e P3 não aderiram ao protocolo, alegando indisposição após a quimioterapia e não ter tempo hábil para a realização da mesma, respectivamente. P2 iniciou a atividade física no primeiro dia da quimioterapia mantendo-a por todo o tratamento e foi a que apresentou os melhores escores de qualidade de vida. Conclui-se que foi baixa a adesão à prática de atividade física, mas que, a paciente que aderiu a esta prática, apresentou melhor qualidade de vida no decorrer do tratamento quimioterápico.

Biografia do Autor

Maria Carolina Gomes Pimenta, PUC Minas em Betim
Acadêmica de Fisioterapia
Natália Carla da Silva, PUC Minas em Betim
Acadêmica de Fisioterapia
Gisele do Carmo Leite Machado Diniz, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Betim
Departamento de Fisioterapia
Publicado
2016-07-14
Seção
SINAPSE DA SAÚDE