GARIS: UMA ANÁLISE DO FENÔMENO DA INVISIBILIDADE PÚBLICA EM PARALELO AO ENFRENTAMENTO DA PANDEMIA DO CORONAVÍRUS (COVID-19)"

  • Isabela Bruno de Almeida Centro Universitário Barão de Mauá
Palavras-chave: Pandemia de coronavirus, Garis, Saúde ocupacional

Resumo

No presente artigo investigam-se os efeitos da pandemia no âmbito do direito do trabalho; se, com a pandemia do coronavírus, as medidas de segurança impostas no meio
ambiente de trabalho possuem aplicabilidade no ambiente de “labor” dos coletores de resíduos sólidos – garis; se esses trabalhadores estariam sendo devidamente resguardados pelo meio jurídico e político-social brasileiro. Para tanto, foram utilizados, como metodologia de abordagem e de procedimento, o método dedutivo e o de estudo de caso. Dessa forma, o
trabalho foi subdividido em três tópicos. No primeiro evidenciaram-se as principais medidas de prevenção, controle e mitigação da transmissão do vírus da covid-19, no segundo conceituou-se o meio ambiente de trabalho dos garis, e por fim foi analisada a aplicabilidade, ou não, das medidas protetivas de segurança inerentes à pandemia do coronavírus. Ao fim do estudo, conclui-se pelo descumprimento estatal de garantia e tutela de um dos direitos fundamentais do cidadão trabalhador: o de acesso à saúde ocupacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARROSO, Luís Roberto. Neoconstitucionalismo e constitucionalização do direito (O triunfo tardio do direito constitucional no Brasil). Disponível em: https://luisrobertobarroso.com.br/wp-content/uploads/2017/09/neoconstitucionalismo_e_constitucionalizacao_do_direito_pt.pdf. Acesso em: 18 jul. 2021.

BRASIL. Portaria nº 3.214, de 08 de junho de 1978. Aprova as Normas Regulamentadoras - NR - do Capítulo V, Título II, da Consolidação das Leis do Trabalho, relativas a Segurança e Medicina do Trabalho. Disponível em: portaria_3-214_aprova_as_nrs.pdf (www.gov.br). Acesso em: 21 jul. 2021.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 05 de outubro 1988. Disponível em: Constituição (planalto.gov.br). Acesso em 12 jul. 2021.

BRASIL. Decreto Legislativo 006 de 2020. Reconhece, para os fins do art. 65 da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, a ocorrência do estado de calamidade pública, nos termos da solicitação do Presidente da República encaminhada por meio da Mensagem nº 93, de 18 de março de 2020. Disponível em: DLG6-2020 (planalto.gov.br). Acesso em: 12 jul. 2021.

BRASIL. Medida Provisória nº 927, de 22 de março de 2020. Dispõe sobre as medidas trabalhistas para enfrentamento do estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020, e da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do coronavírus (covid-19), e dá outras providências. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2019-2022/2020/Mpv/mpv927.htm. Acesso em: 13 jul. 2021.

BRASIL. Portaria Conjunta nº 20, de 18 de junho de 2020. Estabelece as medidas a serem observadas visando à prevenção, controle e mitigação dos riscos de transmissão da COVID-19 nos ambientes de trabalho (orientações gerais) (Processo nº 19966.100581/2020-51). Diário Oficial da União. Edição 116, seção 1, p. 14. Disponível em: covid_19_-_sit_-_orientacoes_gerais.pdf (www.gov.br). Acesso em: 06 jul. 2021.

BRASIL. Superior Tribunal Federal. Ação Direta de Inconstitucionalidade: 6377/DF, 0089879-31.2020.1.00.0000. DECISÃO AÇÃO DIRETA DE INCONSTITUCIONALIDADE – OBJETO – PERDA. [...] 2. Considerado o término, em 19 de julho de 2020, do prazo de vigência da Medida Provisória nº 927/2020 [...] (STF - ADI: 6377 DF 0089879-31.2020.1.00.0000, Relator: MARCO AURÉLIO, [...]). MARCO AURÉLIO. Data de Julgamento: 12/08/2020. Data de Publicação: 20/08/2020.

BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Agravo em Recurso Extraordinário. ARE 664335/SC. Acórdão. LUIZ FUX. Data de Julgamento: 14 jul. 2012. Data de Publicação: 07 jul. 2013. Disponível em: https://jurisprudencia.stf.jus.br/pages/search?classeNumeroIncidente=ARE%20664335&base=acordaos&sinonimo=true&plural=true&page=1&pageSize=10&sort=_score&sortBy=desc&isAdvanced=true.

BRITO, Rose Dayanne Santos. Direito do trabalho na contramão: a precarização como regra. Revista Katál¸ Florianópolis, v. 24, n. 1, p. 223. jan/abr. 2021.

COSTA, Fernando Braga da. Homens invisíveis: relatos de uma humilhação social. Ed. Globo. São Paulo. 2004.

GARCIA, Andréa das Graças Souza Camacho Gimenez; GARCIA, Glauber Camacho Gimenez; CONTE, Rayssa. O pedido cumulado de adicional de insalubridade, periculosidade, penosidade à luz do princípio da dignidade da pessoa humana. Revista Eletrônica da Faculdade de Direito de Franca, v. 15, n. 2, p. 11-37, 2020.

BALLAN JUNIOR, Octahydes. Teoria tridimensional do Direito de Miguel Reale nas decisões dos tribunais superiores. Revista Pensamento Jurídico, São Paulo, v. 12, n. 2. 2018.

LEITE, Carlos Henrique Bezerra. Curso de Direito do Trabalho. São Paulo: Saraiva, 2020.

LOPES, Fernanda Tabaral; MACIEL, Ana Alice Duarte; CARRIERI, Alexandre de Pádua; DIAS, Derli de Souza; MURTA, Ivana Benevides Dutra. O significado do trabalho para os garis: um estudo sobre representações sociais. Perspectivas em Políticas Públicas, Belo Horizonte. v. 5, n. 10, 2012.

MARANHÃO, Ney. Poluição Labor-Ambiental. Revista Nova Hileia. v. 2, n. 2, 2017. Disponível em: http://periodicos.uea.edu.br/index.php/novahileia/article/view/1238/782. Acesso em: 19 jul. 2021.

MARANHÃO, Ney. MEIO AMBIENTE DO TRABALHO: conceito jurídico-conceitual. Revista Meio ambiente do trabalho direitos, trabalho e política social. Cuiabá. v. 2, n. 3. 2016.

NASCIMENTO, Sônia Maria Rodrigues; ARAÚJO, Gizelda Rodrigues. Medidas protetivas e de segurança do meio ambiente de trabalho e o enfrentamento da Covid-19. Revista Ibero - Americana de Humanidades, Ciências e Educação – REASE, v. 7. n. 6. jun. 2021, p. 174.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE (OMS). OMS diz que máscaras cirúrgicas sozinhas não bastam para proteger da Covid-19. ONU News | Perspectiva Global Reportagens Humanas. Disponível em: OMS diz que máscaras cirúrgicas sozinhas não bastam para proteger da Covid-19 | ONU News. Acesso em: 21 jul. 2021.

PAMPLONA, Nicola. 522 mil empresas fecharam as portas por pandemia, diz IBGE. Folha de S. Paulo. Rio de Janeiro. Disponível em: 522 mil empresas fecharam as portas por pandemia, diz IBGE - 16/07/2020 - Mercado - Folha (uol.com.br). Acesso em: 21 jul, 2021.

PINHO, Rodrigo César Rebello. Direito constitucional: teoria geral da constituição e direitos fundamentais. Saraiva Educação. v. 17. 18. ed. São Paulo. 2020.

SIQUEIRA, Mônica Maria; MORAES, Maria Silvia. Saúde coletiva, resíduos sólidos urbanos e os catadores de lixo. Artigo Article. 2008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/csc/a/n5GCwf9wtQccdjQR3HwZqJg/. Acesso em: 18 jul. 2021.

SIQUEIRA, Vitor da Costa Honorato; FRANCISCHETTO, Gisellene Passon Picoretti. Direito fundamental ao meio ambiente do trabalho digno: medidas de desinvibilização do trabalhador. Revista Internacional de Direito Ambiental e Políticas Públicas. Macapá, n. 10. 2018.

VASCONCELOS, Joaquim Pedro Ribeiro; GUIMARÃES, Sílvia Maria Ferreira; ZANETI, Izabel Cristina Bruno Bacellar. Condições de trabalho e saúde de uma associação de catadores de materiais recicláveis de Ceilândia, Brasil. Jangwa Pana, vol. 19, n. 3. 2020. DOI: https://doi.org/10.216/issn.1657-4923. Acesso em: 19 jul. 2021.

ZARELLI, Renata Calheiros; RIBEIRO, Luiz Alberto Pereira. Reforma trabalhista: da possibilidade de retrocesso da garantia ao meio ambiente do trabalho nos contratos intermitentes. Revista de Direito do Trabalho, vol. 212, p. 275-293, 2020.

Publicado
04-02-2022
Seção
Artigos de Discentes e Egressos