A CONCEPÇÃO COMUNICATIVA DA EDUCAÇÃO NA PERSPECTIVA DE JÜRGEN HABERMAS: A DIMENSÃO INTERSUBJETIVA DA EXPERIÊNCIA FORMATIVA

  • Bruno Luciano de Paiva Silva Centro Universitário Newton Paiva
Palavras-chave: Razão Comunicativa, Mundo da Vida, Educação, Jürgen Habermas

Resumo

Uma subjetividade tecida pela intersubjetividade elucida o tema proposto pelo presente artigo, a saber, de se pensar uma concepção comunicativa de educação a partir de Habermas. A nossa hipótese é de que a dimensão intersubjetiva, desenvolvida pelo filósofo alemão, renova o conceito de experiência formativa, ao recuperar seu caráter crítico e emancipatório e por propor uma práxis dialógica para a ação pedagógica. Assim, o escopo principal será analisar a configuração da concepção comunicativa da educação na perspectiva habermasiana. Desse modo, o artigo está dividido em duas partes: (a) na primeira, apontaremos o contexto (guinada linguístico-pragmática; razão comunicativa; mundo da vida) em que a educação se insere; (b) para analisar, no segundo momento, de que forma se edifica o conceito comunicativo da educação, oferecendo uma alternativa para o problema da formação humana. A escolha do tema se justifica por contrapor à racionalidade instrumental que, desde a implantação da tendência tecnicista na educação brasileira, promovida pelos governos militares (1964-1985), vem orientando a experiência no Brasil.

PALAVRAS-CHAVE: Razão comunicativa. Mundo da vida. Educação. Jürgen Habermas.

 ABSTRACT

A subjectivity woven by intersubjectivity elucidates the theme proposed by the present article, namely, to think about a communicative conception of education from Habermas. Our hypothesis is that the intersubjective dimension, developed by the German philosopher, renews the concept of formative experience by recovering its critical and emancipatory character and by proposing a dialogic praxis for pedagogical action. The present article investigates, from the philosophy of Jürgen Habermas, the construction of a communicative conception of education. In this way, the article is divided into two parts: (a) in the first one, we will point out the linguistic context (linguistic-pragmatic guise, communicative reason, world of life) that education is inserted; (b) to analyze, in the second moment, how the communicative concept of education is built, offering an alternative to the problem of human formation. The choice of theme is justified by opposing the instrumental rationality that, since the implantation of the technicist tendency in Brazilian education, promoted by the military governments (1964-1985), has guided the experience in Brazi

KEY-WORDS: Communicative Reason. World of Life. Education. Jürgen Habermas

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Luciano de Paiva Silva, Centro Universitário Newton Paiva
Graduado em Filosofia (PUCMG), mestre em Filosofia (FAJE) e doutorando em Filosofia (UFMG). Professor de Filosofia e Sociologia do Centro Universitário Newton Paiva.
Publicado
14-07-2019
Como Citar
Paiva Silva, B. L. de. (2019). A CONCEPÇÃO COMUNICATIVA DA EDUCAÇÃO NA PERSPECTIVA DE JÜRGEN HABERMAS: A DIMENSÃO INTERSUBJETIVA DA EXPERIÊNCIA FORMATIVA. Sapere Aude, 10(19), 145-156. https://doi.org/10.5752/P.2177-6342.2019v10n19p145-156
Seção
ARTIGOS/ARTICLES: ÉTICA E EDUCAÇÃO/ETHICS AND EDUCATION