O AMOR E A SEDUÇÃO DA LINGUAGEM NOS SONETOS DE FLORBELA ESPANCA

  • Camila Patrícia dos Santos PUC Minas
Palavras-chave: Amor. Sedução. Linguagem. Florbela Espanca. Sonetos.

Resumo

Este trabalho pretende analisar a questão amorosa e o uso da sedução através da linguagem nos sonetos de Florbela Espanca, à luz de estudos de Leyla Per­rone-Moisés e Octavio Paz.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ESPANCA, Florbela. Sonetos Completos. 9.ed. Coimbra: Livraria Gonçalves, 1923.

PAZ, Octavio. A dama e a santa. In:A dupla chama:Amor e erotismo. Tradu­ção Wladyr Dupont. São Paulo: Ed. Siciliano,1994, p.69-95.

PAZ, Octavio. Pré-História do Amor. In:A dupla chama: Amor e erotismo. Tradução Wladyr Dupont. São Paulo: Ed. Siciliano,1994, p.49-68.

PERRONE-MOISÉS,1990, Leyla. Promessas, encantos e amavios. In: Flores da escrivaninha. São Paulo: Companhia das Letras, 1990, p. 13-20.

Publicado
11-05-2017
Como Citar
Santos, C. P. dos. (2017). O AMOR E A SEDUÇÃO DA LINGUAGEM NOS SONETOS DE FLORBELA ESPANCA. Cadernos CESPUC De Pesquisa Série Ensaios, (17), 11-20. Recuperado de https://periodicos.pucminas.br/index.php/cadernoscespuc/article/view/14764