[1]
E. B. de Faria, “Melancolia, devaneio e poeticidade em ‘Buriti’”, Cadernos CESPUC, nº 28, p. 42-53, nov. 2016.