ALINHAMENTO CULTURAL E COMPORTAMENTOS HUMILDES:

UM ESTUDO DE CASO

Palavras-chave: Valores organizacionais, Alinhamento cultural, Humildade expressa, Comportamentos humildes

Resumo

A congruência de valores culturais e a humildade nas organizações contribuem para o desenvolvimento e desempenho organizacional. Analisar o alinhamento cultural da percepção dos líderes e dos seguidores de uma organização, no que diz respeito aos comportamentos humildes expressos, é o objetivo principal deste artigo. Apoiando-se em um estudo de caso único de abordagem descritiva qualitativa, a investigação conduziu entrevistas embasadas em roteiro semiestruturado em uma organização de comercialização de energia. Os resultados mostram a existência de subgrupos de culturas diferenciadas que limita a evolução organizacional desejada, bem como constatam uma concepção idealista de comportamentos humildes dos líderes, inibindo os efeitos que a humildade pode gerar às práticas organizacionais. A adoção de comportamentos humildes pelos líderes tende a reforçar o alinhamento cultural e dá suporte aos valores sensíveis à cultura da empresa. Aprofundar investigações acerca dos comportamentos humildes é uma oportunidade cara às práticas organizacionais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia A. Tomei, PUC - Rio

Possui graduação em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (1978), mestrado em Administração de Empresas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981), doutorado em doutorado sandwich - New School for Social Research (1986) e doutorado em Administração pela Universidade de São Paulo (1988). É professora associada da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro/IAG desde 1982. Foi pesquisadora e professora visitante no exterior da Université Jean Moulin de Lyon (1995),da Ecole des Hautes Etudes Commerciales (HEC) de Montreal (1993), École Superieure des Affaires da Université de Sciences Sociales de Grenoble (1996,1992,1990); da Rissho University de Tóquio (1988), da Florida International University (1994) e da Graduate School of Urban Professions, Department of Management and Human Resources da New School for Social Research (1989). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Administração de Empresas, atuando principalmente nos seguintes temas: cultura organizacional, mudança organizacional, recursos humanos, desempenho organizacional. Publicou vários artigos no Brasil e no exterior, e os seguintes livros: "Cultura Organizacional e Privatizaçäo: A Dimensão Humana", com Marcelo L. Braunstein (Makron Books,1993), Inveja nas Organizações, (Makron Books, 1994) , Invidia en las Empresas (McGraw Hill México, 1994),Gestão Participativa (CDRom - CELTEC,1995), Sedução dos Modismos com Adriana Lerner ( Makron Books, 1998), "Cultura e Mudança Organizacional" (organização, Editora PUC-Rio,2008),"Cultura Empreendedora"com Giuseppe Russo e Carla Bottino (Office Book,2008), "O que é a Cultura Organizacional?"( Ed. Brasiliense, 2011),"Lideranças Empreendedoras Cariocas" com Giuseppe Russo e Ana Claudia Pinheiro ( Editora Dedix,2012),"Confiança nas Organizações " com Luciano Quinto Lanz, (PUC-Rio, Elsevier Campus,2015)

Publicado
18-01-2023
Seção
Artigos