PROPOSTAS DE DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS COM BASE NA PRODUÇÃO AGRÍCOLA DAS MESORREGIÕES DO ESTADO DO PARANÁ

  • Jean Victor Nery da Silva UEM
  • Bruna Stefany dos Santos Espadrizano UEM
  • Carlos Eduardo Porto UEM
  • Otávio Akira Sakai IFPR
  • Vagner Roberto Batistela UEM
Palavras-chave: Agroindústria, Produção agrícola, Resíduos agroindustriais, Paraná, Agronegócio

Resumo

O estado do Paraná situa-se como um importante polo do agronegócio e do setor agroindustrial nacional, com produção tanto no eixo alimentar quanto não alimentar. No presente estudo, realizou-se uma análise da produção agrícola do Estado do Paraná com base nos dados consolidados do ano de 2018, investigando-se a contribuição de cada mesorregião do estado e realizando-se uma apresentação das principais possibilidades de valorização de resíduos agrícolas e agroindustriais gerados no Estado. Por meio de dados do IBGE e do IPARDES, as três principais culturas do estado do Paraná foram identificadas como a de cana-de-açúcar, soja e milho, seguindo a mesma tendência nacional, sendo o quinto estado brasileiro com maior produção agrícola entre as culturas temporárias e permanentes. Avaliou-se que as Mesorregiões Noroeste e Norte Pioneiro possuem a maior produção agrícola do estado, e que as mesorregiões seguem o cultivo agrícola de acordo com as condições climáticas, características geomorfológicas e de solo, sendo assim grandes aliados nas produções em larga escala. A compostagem, alimentação animal, biossorventes, compensados, compósitos, biocombustíveis, biotecnologia, construção civil e a nanocelulose foram apontadas como possibilidades de valorização de resíduos agroindustriais, contribuindo para a sustentabilidade das cadeias produtivas. Dessa forma, espera-se com este trabalho divulgar as potencialidades de destinação de resíduos processados de culturas agrícolas cultivadas no estado do Paraná, contribuindo para completar os ciclos de beneficiamento agrícola. 

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
08-02-2022