Literatura brasileira e discursos constituintes

  • Paulo Henrique Aguiar Mendes
Palavras-chave: Romantismo brasileiro, Indianismo, Discursos constituintes, Enunciação, Cenografia.

Resumo

Defendo a pertinência da proposta de fazer um estudo de aspectos discursivos constitutivos do projeto literário do romantismo indianista brasileiro, fundamentado em algumas categorias teóricas formuladas por D. Maingueneau em sua análise dos “discursos constituintes”. A base do “recorte material/textual” escolhido para a análise é constituída pelo “romance” Iracema, de José de Alencar, e por alguns artigos da crítica literária brasileira.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALENCAR, José de. Iracema (Edição crítica de M. C. Proença). 2. ed. São Paulo: Edusp, 1979.

BAKHTIN, Mikhail. Questões de literatura e de estética – a teoria do romance. 2. ed. São Paulo: Hucitec, 1990.

BOSI, Alfredo. História concisa da literatura brasileira. 3. ed. São Paulo: Cultrix, 1982.

BOSI, Alfredo. Um mito sacrificial: o indianismo de Alencar. In: BOSI, Alfredo. Dialética da colonização. 2. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1994. Cap. 6, p. 176-193.

CAMPOS, Haroldo. Iracema: uma arqueografia de vanguarda. In: CAMPOS, Haroldo. Metalinguagem e outras metas. 4. ed. São Paulo: Perspectiva, 1992. Cap. 11, p. 127-145.

CAMPOS, Haroldo. Tópicos (fragmentários) para uma historiografia do como. In: CAMPOS, Haroldo. Metalinguagem e outras metas. 4. ed. São Paulo: Perspectiva, 1992. Cap. 12, p. 147-165.

CANDIDO, Antonio. Formação da literatura brasileira. 5. ed. Belo Horizonte: Itatiaia, 1975. v. 2.

MAINGUENEAU, Dominique. Novas tendências em análise do discurso. Trad. Freda Indursky. 2. ed. Campinas: Pontes Editores, 1993.

MAINGUENEAU, Dominique. O contexto da obra literária. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

MAINGUENEAU, Dominique. L’analyse des discours constituants. In: MARI, Hugo et al. (Org.). Fundamentos e dimensões da análise do discurso. Belo Horizonte: Carol Borges Editora, 1999. Cap. 2, p.45-58.

MAINGUENEAU, Dominique. Analyser les textes de communication. Paris: Nathan, 2000.

PETITJEAN, André. Les typologie textuelles. Pratiques, Metz, n. 62, p. 86-125, 1989.

Publicado
15-10-2003
Como Citar
Mendes, P. H. A. (2003). Literatura brasileira e discursos constituintes. Scripta, 7(13), 115-136. Recuperado de https://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/12507
Seção
Dossiê: Literatura e outros discursos