Transtornos fonético-fonológicos na Síndrome de Down e implicações na lectoescrita

  • Cynthia Aparecida P. Patusco Gomes da Silva
Palavras-chave: Síndrome de Down, Transtornos fonético-fonológicos, Déficit cognitivo, Alfabetização, Consciência fonológica.

Resumo

A presente pesquisa tem como proposta investigar déficits fonéticofonológicos em portadores de Síndrome de Down – SD – e implicações na apropriação da leitura e da escrita durante o processo de alfabetização. A discussão emerge da hipótese central de que transtornos de natureza fonoarticulatória, motivados por aspectos neurológicos e anatômicos, repercutem negativamente na lectoescrita. Parte-se do princípio de que o retardo mental afeta o desenvolvimento cognitivo, responsável pela abstração, discriminação e memorização das unidades fonológicas (fonemas). Agregam-se a esse aspecto problemas de ordem periférica: a hipotonia orofacial generalizada dificulta o movimento harmonioso dos articuladores no que tange à programação e à produção de cadeias sonoras. A despeito da deficiência de habilidade de correspondência grafo-fonológica em alguns casos, o estudo coloca em foco a capacidade em potencial da população investigada para o processo de alfabetização.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CRYSTAL, D. Patologia del lenguage. Salamanca: Gráficas Ortega, 1993.

HAMILTON, C. Investigation of the articulatory patterns of young adults with Down’s Syndrome using electography. Child Development Centre, St. Mary’s Hospital, Portsmouth, v. 1, n. 1, 1993.

LEDDY, M. The biological bases of speech in people with Down Syndrome. In: Inproving the communication of people with Down syndrome. Baltimore: Paul Brookes, 1999.

MOLLICA, M. C. Da linguagem coloquial à escrita padrão. Rio de Janeiro: Letras, 2003.

PUESCHEL, S.M. A parent’s guide to Down syndrome – toward a brighter future. Baltimore, Maryland: Paul H. Brooks, 1990.

RONDAL, J. A Dificultades del lenguaje em el síndrome de Down: Perspectiva a lo largo de la vida y princípios de intervención. Revista Síndrome de Down, v. 23, n. 91, p.120-128, 2006.

SCLIAR-CABRAL, L. Guia prático de alfabetização. São Paulo: Contexto, 2003.

SILVA, T. C. Exercícios de fonética e fonologia. São Paulo: Contexto, 2002.

STAMPA, M. Aquisição da leitura e da escrita: uma abordagem a partir da consciência fonológica. WAK, 2009.

STOEL-GAMMON C. Down syndrome phonology: developmental patterns and intervention strategies. Down syndrome research and practice, v. 7, n.3, p. 93- 100, 2001.

TRENHOLM, B; MIRENDA, P. Home and community literacy experiences Down syndrome research and practice, v. 10, n. 1, p. 30-40, 2006.

VYGOTSKY, L. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1987

Publicado
27-07-2010
Como Citar
Aparecida P. Patusco Gomes da Silva, C. (2010). Transtornos fonético-fonológicos na Síndrome de Down e implicações na lectoescrita. Scripta, 14(26), 57-70. Recuperado de https://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/4350
Seção
Dossiê: Cognição humana