TRADUÇÃO: NOTAS PARA UM TRABALHO SOBRE A CATEGORIA DE JUSTIÇA

  • Walter Benjamin
  • Maykson Mardônio Cardoso de Sousa Universidade do Estado de Mato Grosso
Palavras-chave: Walter Benjamin, Categoria da Justiça, Propriedade, Posse

Resumo

As Notas para um trabalho sobre a categoria de justiça, aqui traduzidas diretamente do alemão “Notizen zu einer Arbeit über die Kategorie der Gerechtigkeit”, estiveram em posse de Gershom Scholem até sua morte, em 1982, razão pela qual mantiveram-se desconhecidas até virem à tona com a publicação de seus diários, ensaios e rascunhos, em 1995. Ainda em 1995, Rolf Tiedemman e Hermann Schweppenhäuser — organizadores dos Gesammelten Schriften de Walter Benjamin —, surpreendidos com este novo achado depois de já terem finalizado o trabalho dos GS no final dos anos 1980, trataram de publicá-la no quarto volume das Frankfurter Adorno Blätter, série de publicações dirigira por Rolf Tiedermann, na ocasião em que também era diretor do Adorno Archiv. Ali, foram publicadas juntamente com um comentário de Hermann Schweppenhäuser, intitulado “Benjamin, sobre a justiça: um achado nos diários de Scholem” [Benjamin über Gerechtigkeit: Ein Fund in Gerschom Scholems Tagebüchern]. As Notas podem ser consideradas o primeiro esforço de Benjamin para desenvolver uma reflexão sobre a categoria de justiça, e suas ressonâncias fazem-se sentir naquele que é considerado um dos ensaios mais importantes do autor a este respeito, Zur Kritik der Gewalt, colaborando sobremaneira para ampliar a discussão que também ali é empreendida: se neste último, Benjamin lança luz sobre um fundamento mítico do poder que lança mão da violência para garantir a sua manutenção; nas Notas, ele aponta para uma diferença substancial entre duas figuras jurídicas fundamentais para a sociedade burguesa: a posse e a propriedade. No texto, Benjamin estabelece que também a justiça é um bem, mas um bem que não pode ser possuído: a justiça, assim pensada, não diz respeito à regulação do direito de posse da pessoa (do proprietário), mas ao direito-de-bem do próprio bem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maykson Mardônio Cardoso de Sousa, Universidade do Estado de Mato Grosso

Doutorando em Artes Visuais/História da Arte pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestre em Estudos de Literatura pela Universidade Federal Fluminense e licenciado em Letras Português, Espanhol e respectivas literaturas pela Universidade do Estado de Mato Grosso. Foi professor de Língua Portuguesa e Espanhola nos Ensinos Fundamental, professor substituto de Teoria Literária e Literaturas Brasileira e Portuguesa na Universidade do Estado de Mato Grosso e eventualmente tem desenvolvido projetos de curadoria e escrito sobre arte contemporânea. Vive em Berlim desde 2018, onde vem se dedicando à pesquisa e à escrita de sua tese intitulada "Para uma arqueologia da violência [Gewalt]: Walter Benjamin, das ruínas do passado aos escombros do presente".

Referências

BENJAMIN, Walter. Notizen zu einer Arbeit über die Kategorie der Gerechtigkeit. In: Tiedemann, R./Theodor W. Adorno Archiv (Org.). Frankfurter Adorno Blätter IV. München l: edition text + kritik, 1995. p. 41-42.
Publicado
28-04-2023
Como Citar
Benjamin, W., & Sousa, M. M. C. de. (2023). TRADUÇÃO: NOTAS PARA UM TRABALHO SOBRE A CATEGORIA DE JUSTIÇA. Virtuajus, 8(14), 19-22. https://doi.org/10.5752/P.1678-3425.2023v8n14p19-22
Seção
Dossiê “Para uma crítica da violência": Walter Benjamin 100 anos depois