[1]
K. P. R. Fonseca, “A APLICABILIDADE DO PRINCÍPIO DA SUPREMACIA DO INTERESSE PÚBLICO SOBRE O PRIVADO”, VJ, vol. 7, nº 13, p. 111-122, nov. 2022.