Os usos e a produção de retratos pintados por Pedro Weingärtner (Século XIX e XX)

  • cyanna missaglia de fochesatto UNISINOS
Palavras-chave: Pintura, Retrato, Pedro Weingärtner.

Resumo

A presente pesquisa tem por objetivo analisar alguns retratos produzidos pelo artista gaúcho Pedro Weingärtner entre os séculos XIX e XX, e entre suas idas e vindas entre Brasil e Europa. Tem-se por objetivo compreender a função dos retratos no processo produtivo de Weingärtner, para além de questões mercadológicas, mas também como uma forma de manutenção dos vínculos e redes sociais, especialmente em momentos de troca de regime político no Brasil, como no caso da transição da Monarquia para a República. Investiga-se o uso feito pelo artista dos retratos que ele representou, bem como a importância desta prática pictórica como forma de demostrar determinado status social entre a elite política e social, seja ela no Brasil ou residente na Europa.

Referências

AGUILAR, Nelson. Mostra do Redescobrimento: Arte do século XIX - 19th-Century Art. São Paulo: Fundação Bienal de São Paulo, 2000.

BILAC, Maria Beatriz Bianchini. Elites e retratos: um estudo sobre as galerias de honra das misericórdias de São Paulo e Santos. ACERVO, Rio de Janeiro, v. 27, n. 1, p. 333-348, 2014.

BOHNS, Neiva Maria Fonseca. Continente Improvável: Artes Visuais no Rio Grande do Sul do final do século XIX a meados do século XX. 2005. 383 f. Tese (Doutorado em Artes Visuais). Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais, Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, Porto Alegre, RS, 2005.

BORGES, Luiz Carlos; BOTELHO, Marília Braz. Positivismo e artes plásticas: O Museu Nacional e a I Exposição Antropológica Brasileira (1882). Disponível em: <http://hdl.handle.net/123456789/2093> Acesso em 24 de set. 2016.

CHARTIER, Roger. Por uma sociologia histórica das práticas culturais. A História Cultural – entre práticas e representações. Lisboa: DIFEL, 1990.

COMISSOLI, Adriano; COSTA, Miguel Ângelo Silva da. Estrelas de primeira grandeza: reflexões sobre o uso de redes sociais na investigação histórica. MÉTIS história & cultura, v. 13, n. 25, p. 11-30, 2014.

COUTINHO, Afrânio. Brasil e brasileiros de hoje. Rio de Janeiro: Sul Americana, 1961.

ESPING, Márcia Janete. O conceito de imaginário: Reflexões acerca de sua utilização pela História. Textura, Canoas, v. 5, n. 9, p. 49-56, 2013.

FERREIRA, Cláudio Barcellos Jansen; ROSSI, Elvio Antônio; KAMPMANN, Helen Bertoletti; SILVA, Marcelo de Souza; FROZZA, Marilia de Oliveira. A retratística e a família na arte brasileira, séculos XIX e XX. 19&20, Rio de Janeiro, v. VIII, n. 2, 2013.

GUIDO, Ângelo. Pedro Weingärtner. Porto Alegre: Divisão de Cultura – Diretoria de Artes da Secretaria de Educação e Cultura, 1956.

MACEDO, João Moreira de Araripe. Diccionario Bio-bibliographico Cearense Barão de Studart. 1987. Disponível em: <http://ceara.pro.br/cearenses/listapornomedetalhe.php?pid=32051> Acesso em 25 de set. 2016.

MOLINA, Lucas Giehl. O universal, o local e a memória cultural na obra de Pedro Weingärtner (1853 - 1929). 2014. 124 f. Dissertação (Mestrado em História). Programa de Pós-Graduação em História do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS, Porto Alegre, RS, 2014.

NORA, Pierre. Entre Memória e História: a problemática dos lugares. Projeto História. São Paulo: PUC, v.10, n. 10, p. 07-28, 1993.

PESAVENTO, Sandra Jatahy. Em busca de uma outra História: imaginando o imaginário. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 15, n. 29, p. 9-27, 1995.

RODRÍGUEZ, Antonio Acosta. las redes socialies, el poder y sus fundamentos. Anuario IEHS, n° 15, Tandil, p. 153-171, 2000.

SILVA, Ana Celina F. O Museu e a consagração da memória de Júlio de Castilhos. 2011. 58 f. Trabalho de Conclusão de curso (Bacharel em Museologia), Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS, Porto Alegre, RS, 2011.

TARASANTCHI, Ruth Sprung. Pedro Weingärtner (1853 - 1929): Um artista entre o Velho e o Novo Mundo. São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2009.

WEIZENMANN, Tiago. Karl von Koseritz e o debate cientificista: uma perspectiva sobre o evolucionismo na segunda metade do dezenove brasileiro. XI ENCONTRO ESTADUAL DE HISTÓRIA. 2012, Rio Grande. Anais... FURG, 2012. p. 661- 676.

Publicado
30-05-2019
Como Citar
de fochesatto, cyanna missaglia. (2019). Os usos e a produção de retratos pintados por Pedro Weingärtner (Século XIX e XX). Cadernos De História, 19(31), 123. https://doi.org/10.5752/P.2237-8871.2018v19n31p123
Seção
TEMÁTICA LIVRE/FREE SUBJECT - ARTIGOS/ARTICLES