A curricularização das práticas de extensão na PUC Minas

  • Márcia Colamarco Ferreira Resende PUC MG.
  • Lucimar Magalhães de Albuquerque PUC MG.
  • Tatiane dos Reis Moreira PUC MG.
  • Brenda Kelly Nunes de Oliveira Borges PUC MG.
Palavras-chave: Extensão Universitária. Ensino Superior. Indissociabilidade. Curricularização.

Resumo

A curricularização das práticas de extensão na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC MG) faz parte de um processo que vem se consolidando no campo das ideias há alguns anos, entretanto, a sua efetivação para impetrar tal intencionalidade da Universidade (e a construção deste novo caminho) é mais recente. Tratar sobre tal provocação pode parecer uma questão quase ancestral, pois é sabido que o reconhecimento da extensão universitária como atividade-fim formativa está posta em diversos documentos nacionais, da mesma forma a sua necessária integração com o ensino e a pesquisa sempre foi ressalvada. Contudo, a temática é atual, em diferentes tempos ou roupagens, e a insistente questão é: como alcançar o enraizamento da extensão em todos cursos universitários e garantir o princípio da indissociabilidade ao mesmo tempo? Deste modo, parece importante integrar estas questões com as novas exigências postas para o ensino superior no Plano Nacional de Educação – PNE (Lei 13.005/2014) que prevê “[...] no mínimo, 10% (dez por cento) do total de créditos curriculares exigidos para a graduação em programas e projetos de extensão universitária, orientando sua ação, prioritariamente, para áreas de grande pertinência social.” (BRASIL, 2014, p.74). Portanto, o objetivo deste artigo é resgatar o processo de implementação da curricularização da extensão na PUC Minas, pensá-lo articuladamente com suas dimensões formativas e demarcar nossa história até o presente momento, e, sobretudo, compartilhar este percurso com outras Instituições de Ensino Superior (IES).

Biografia do Autor

Márcia Colamarco Ferreira Resende, PUC MG.
Professora Mestre do curso de Fisioterapia da PUC Minas e coordenadora de Acompanhamento de Projetos Pedagógicos de Cursos da Pró-reitoria de Extensão da PUC Minas.
Lucimar Magalhães de Albuquerque, PUC MG.
Professora Doutora do curso de Psicologia da PUC Minas e coordenadora de Acompanhamento de Projetos Pedagógicos de Cursos da Pró-reitoria de Extensão da PUC Minas.
Tatiane dos Reis Moreira, PUC MG.
Bacharel em Direito e Assistente da Coordenação de Acompanhamento de Projetos Pedagógicos de Cursos da Pró-reitoria de Extensão da PUC Minas.
Brenda Kelly Nunes de Oliveira Borges, PUC MG.
Graduanda do Curso de Letras da PUC Minas. Extensionista da Coordenação de Acompanhamento de Projetos Pedagógicos de Cursos da Pró-reitoria de Extensão da PUC Minas.

Referências

BENETTI, Pablo César; SOUZA, Ana Inês; SOUZA, Maria Helena do Nascimento. Guia de Creditação da Extensão na UFRJ. Rio de Janeiro: Pró-reitoria de Extensão UFRJ, 2015.

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/ConstituicaoCompilado.htm>>. Acesso em: 10 fev. 2016.

BRASIL. Lei 13. 005 de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 26 jun. 2014. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13005.htm>. Acesso em: 10 fev. 2016.

DALMOLIN, Bernadete Maria; SILVA, Marcio Tascheto da; VIEIRA, Adriano José Hertzog. Bases pedagógicas para pensar a curricularização da extensão. In: RIFFEL, Cristiane Maria; SANTOS, Pedro Floriano dos. (Org.). Extensão universitária: perspectivas de aprendizagem e sentidos na educação superior. Itajaí: Univali, 2017. Cap. 1, p. 15 – 36.

DIEHL, Bianca Tams; TERRA, Elisa Lübeck. A indissociabilidade entre o ensino, a pesquisa e a extensão: do legal ao real. Revista Humanidades, Fortaleza, v. 28, n. 2, p. 166-185, jul./dez. 2013.

FILGUEIRAS, Karina Fideles; REZENDE, Ana Luiza. Introdução do livro dos artigos dos projetos fomentados pela PROEX/PUC Minas 2011-2012. In: FELIPPE, Wanderley Chieppe; FILGUEIRAS, Karina Fideles (Org.). Projetos de Extensão: saúde, educação, novas tecnologias e cidadania na PUC Minas. Belo Horizonte: FUMARC, 2014. 216p.

GONÇALVES, Nadia Gaiofatto. Indissociabilidade entre Ensino, Pesquisa e Extensão: um princípio necessário. Revista Perspectiva, Florianópolis, v. 33, n. 3, p. 1229 - 1256, set./dez. 2015.

IMPERATORE, Jorge Luis Ribeiro; IMPERATORE, Simone Loureiro Brum; PEDDE, Valdir. Curricularizar a extensão ou extensionalizar o currículo? Aportes teóricos e práticas de integração curricular da Extensão ante a estratégia 12.7 do PNE. In: XV COLÓQUIO INTERNACIONAL DE GESTÃO UNIVERSITÁRIA – CIGU, Desafios da Gestão Universitária no Século XXI, 2, 3 e 4 de dezembro de 2015, Mar del Plata. Anais eletrônicos. Mar del Plata, 2015. Disponível em < https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/136064>. Acesso em 15 fev. 2017.

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS. Pró-Reitoria de Extensão. Política de Extensão Universitária da PUC Minas. Belo Horizonte: PUC Minas, 2006.

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS. Pró-Reitoria de Extensão. Resolução Nº 02/2015. Aprova o Regulamento Pró-Reitoria de Extensão da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas (Processo CONSUNI nº02/2015). Belo Horizonte: PUC Minas, 2015. Disponível em <http://www2.pucminas.br/proex/index-link.php?arquivo=documento&pagina=4951>. Acesso em: 10 dez. 2016.

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS. Resolução N.º 02/2016. Aprova alteração das Normas Acadêmicas do Ensino de Graduação e de Pós Graduação Stricto Sensu da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, com a redação dada pelas Resoluções nº 03, de 11 de maio de 2012, e nº 02, de 27 de março de 2015, do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Processo CEPE nº 02/2016). Belo Horizonte: PUC Minas, 2016. Disponível em: < http://portal.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20121117163215.pdf>. Acesso em: 15 mar. 2017.

Publicado
18-12-2017