ADAPTAÇÕES CURRICULARES PARA CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL MODERADA: CONTRIBUIÇÕES DA NEUROPSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO

Patrícia Martins de Freitas, Patrícia Belini Nishiyama, Denise Oliveira Ribeiro, Leandro Martins de Freitas

Resumo


A educação de crianças com deficiência intelectual enfrenta dificuldades de ser implementada, tanto em escolas inclusivas quantos especializadas. A deficiência intelectual é erroneamente reconhecida como uma condição estática e, portanto, com poucas possibilidades para aprendizagem e desenvolvimento. As lacunas na formação dos professores estão relacionadas com o pouco conhecimento do desenvolvimento neuropsicológico e das técnicas de ensino baseadas na análise experimental do comportamento. O presente estudo tem como objetivo apresentar as características clínicas e funcionais da deficiência intelectual, assim como recursos e ferramentas para a promoção da adaptação curricular. A aplicação de avaliações funcionais e individualizadas, do planejamento de currículos direcionados para as necessidades de cada criança e do ensino baseado em técnicas comportamentais demonstram melhores resultados, tanto para aprendizagem de comportamentos de vida diária quanto para habilidades escolares como leitura, escrita e cálculos.

Palavras-chave


Deficiência intelectual. Adaptação curricular Neuroplasticidade. Genética. Neuropsicologia do Desenvolvimento.

Texto completo:

PDF


Av. Dom José Gaspar, 500 • Prédio 6 • Fone: (31) 3319-4188

Coração Eucarístico • Belo Horizonte • Minas Gerais - Brasil

CEP.: 30535-901 • Cx. Postal: 2686

ISSN 2175-7003