Rondó de Castro Alves em autores modernistas

  • Maria do carmo Lanna Figueiredo PUC Minas
Palavras-chave: Castro Alves, autores modernistas, Mário da Andrade, Jorge Amado, Affonso Romano de Sant'Anna, tradição literária brasileira,

Resumo

A presente comunicação pretende agrupar três leituras do poeta Castro Alves, feitas por Mário da Andrade (1939), Jorge Amado (1941) e Affonso Romano de Sant'Anna (1984), com o objetivo de avaliar o espaço ocupado pelo autor na tradição literária brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, Antônio de Castro. Poesias completas. 2. ed., São Paulo: Saraiva, 1960.

AMADO, Jorge. O ABC de Castro Alves. 12. ed., São Paulo: Martins, 1939. Castro Alves.

COELHO, Jacinto Prado; AMORA, Antônio Soares; CAL, Ernesto Guerra da (Dir.). Dicionário de literatura; literatura portuguesa, literatura brasileira, literatura galesa, estilística literária. Rio de Janeiro: Companhia Brasileira de Publicações, 1969, 2v.

GORENDER, Jacob. O escravismo colonial. São Paulo: Cia Editoria Nacional, 1968.

EXPILLY, Charles. Mulheres e costumes do Brasil. São Paulo: Nacional, 1968.

JAUSS, Hans Robert. A história da literatura como provocação à teoria literária. São Paulo: Ática, 1994.

SANT'ANNA, Affonso Romano de. O canibalismo amoroso. São Paulo: Brasiliense, 1984. Castro Alves e a denúncia do social através do sexual.

Publicado
27-03-1998
Como Citar
Figueiredo, M. do carmo L. (1998). Rondó de Castro Alves em autores modernistas. Scripta, 1(2), 217-221. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/10200