A vingança da megera cartesiana: nota sobre Estas estórias

  • Ligia Chiappini
Palavras-chave: Cultura popular, Cultura letrada, Estas estórias, Logos versus mythos, Medicina popular versus medicina científica, Ambigüidade técnica e ideológica.

Resumo

Partindo da hipótese de que, nos contos semi-acabados desse livro de Guimarães, revelam-se mais explicitamente certos mecanismos da narração, através dos quais se evidencia o confronto entre as chamadas culturas erudita e popular, o texto se propõe a investigar os modos de narrar empregados para identificar as ambigüidades do confronto cultural aí dramatizado, o que nos permitirá problematizar a proverbial adesão do autor (real e implícito) aos valores da cultura sertaneja.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARRIGUCCI JR., David. O mundo misturado. In: PIZARRO, Ana. Palavra, literatura e cultura: vanguarda e modernidade. São Paulo: Memorial da América Latina; Campinas: Edunicamp, 1995. p. 447-477.

ARROYO, Leonardo. A cultura popular em Grande sertão: veredas, filiações e sobrevivências tradicionais, algumas vezes eruditas. Brasilia: INL; Rio de Janeiro: J. Olympio, 1984.

BOLLE, Willi. Fórmula e fábula. São Paulo: Perspectiva, 19--.

BUENO, Raquel Illescas. Guimarães passado em revista. In: Teresa, revista de literatura brasileira, Universidade de São Paulo, São Paulo, n. 1, primeiro semestre de 2000. p. 245-249.

CALOBREZI, Edna Taraboni. Morte e alteridade em Estas estórias. 1998. Tese de doutorado (Departamento de Teoria Literária) – Universidade de São Paulo.

CANDIDO, Antonio. A literatura e a formação do homem. Ciência e Cultura, São Paulo, v. 24, n. 9, p. 803-809, 1972.

CANDIDO, Antonio. Sagarana. In: COUTINHO, Eduardo (Org.). Guimarães Rosa. Brasilia: INL; Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1983. p. 243- 247.

CAVALCANTE, Maria Neuma B. “Bicho mau”. A gênese de um conto. 1991. Tese de doutorado (Departamento de Letras Clássicas) – Universidade de São Paulo.

CHIAPPINI, Ligia. Grande sertão: veredas, metanarrativa como necessidade diferenciada. In: Scripta (Edição Especial do Seminário Internacional Guimarães Rosa), Belo Horizonte, v. 2, n. 3, p. 190-204, 2º sem. 1998.

CHIAPPINI, Ligia. Regionalismo e Modernismo: o “caso gaúcho”. São Paulo: Ática, 1978 (especialmente o capítulo: A palavra embargada, p. 117-135).

CHIAPPINI, Ligia. No entretanto dos tempos: literatura e história em João Simões Lopes Neto. São Paulo: Martins Fontes, 1988 (especialmente os capítulos: Narração, experiência e conselho – o achado técnico, p. 321-340 e A oralidade na letra – o achado estilístico, p. 341-373.

COUTINHO, Eduardo (Org.). Guimarães Rosa. Brasilia: INL; Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1983.

GODOY, Maria Carolina. A aproximação temporal e a focalização interna construindo a poeticidade em “São Marcos”. In: DUARTE, Lélia Parreira (Org.). Veredas de Rosa. Belo Horizonte: PUC Minas, 2000. p. 415-418.

HOLANDA, Aurélio Buarque de. Linguagem e estilo em João Simões Lopes Neto. In:LOPES NETO, João Simões. Contos Gauchescos e Lendas do Sul, ed. crítica por Aurélio Buarque de Holanda e Augusto Meyer. Porto Alegre: Globo, 1949. p. 27- 56.

LIMA, Sonia Maria Van Dick. Documentos da gênese de Sagarana. In: DUARTE, Lélia Parreira (Org.). Veredas de Rosa. Belo Horizonte: PUC Minas, 2000. p. 658-661.

MENEZES, Adélia Bezerra de. O Homem do Pinguelo: uma leitura aristotélico-psicanalítica. In: SCRIPTA, Belo Horizonte, v. 2, n. 3, p. 14-24, 1998.

PY, Fernando. Estas estórias. In: COUTINHO, Eduardo F. (Org.). Guimarães Rosa. Brasilia: INL; Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1983. p. 562-573.

RIBEIRO, Leo Gilson. Orelha do livro de Guimarães Rosa. In: Estas estórias. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1969.

RONAI, Paulo. Nota introdutoria. In: ROSA, João Guimarães. Estas estórias. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1969.

ROSA, João Guimarães. Sagarana. 7. ed. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1974.

ROSA, João Guimarães. Primeiras estórias. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1974(a).

ROSA, João Guimarães. Tutaméia. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1967.

ROSA, João Guimarães. Estas estórias. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1969.

ROSA, João Guimarães. Ave, palavra. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1970.

SIMÕES, Irene Gilberto. As paragens mágicas. Brasília: MCT/CNPq; São Paulo: Perspectiva, [19--].

UTÉZA, Francis; RASSIER, Luciana Wrege. Sagarana: Marcos São Marcos. In: MENDES, Lauro; OLIVEIRA, Luiz Claudio Vieira de (Org.). A astúcia das palavras: ensaios sobre Guimarães Rosa. Belo Horizonte: UFMG, 1998. p. 33-49.

VASCONCELOS, Sandra Guardini. Puras misturas. São Paulo: Hucitec, 1997.

Publicado
21-03-2002
Como Citar
Chiappini, L. (2002). A vingança da megera cartesiana: nota sobre Estas estórias. Scripta, 5(10), 218-233. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/12400