Palavras de dor: expressões da perda na poesia de José Craveirinha

  • Silvio Renato Jorge
Palavras-chave: José Craveirinha, Poemas de Maria, Memória, Discurso da morte.

Resumo

Aelegia no universo poético de José Craveirinha. A expressão da dor e da perda em “Ao meu belo pai ex-emigrante” e nos poemas de Maria. A memória como matéria-prima para o discurso sobre a morte.



Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMARAL, Fernando Pinto do. Na órbita de Saturno. Lisboa: Hiena, 1992. 149p.

BACHELARD, Gaston. A dialética da duração. 2. ed. São Paulo: Ática, 1994. 135p.

BOSI, Ecléa. Memória e sociedade. 3. ed. São Paulo: Cia. das Letras, 1994. 484p.

BRANCO, Lúcia Castello. A traição de Penélope. São Paulo: Anna Blume, 1994. 165p.

CRAVEIRINHA, José. Karingana ua karingana. Lisboa: Ed. 70, 1982. 175p.

CRAVEIRINHA, José. Maria. Linda-a-velha: Alac (África, Literatura, Arte e Cultura), 1988. 68p.

LEITE, Ana Mafalda. Permanência e transformação das formas tradicionais na poesia de José Craveirinha. In: Les littératures africaines de langue portugaise, Paris, 1984. COLLOQUE INTERNATIONAL. Actes... Paris: Fondation Calouste Gulbenkian, 1989. p. 377-384.

Publicado
20-03-2003
Como Citar
Jorge, S. R. (2003). Palavras de dor: expressões da perda na poesia de José Craveirinha. Scripta, 6(12), 401-406. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/12496
Seção
Dossiê: Literaturas africanas de língua portuguesa