Sônia Queiroz: poesia e tradição em Minas Gerais

  • Maria do Carmo Lanna Figueiredo
  • Gláucia Geruza Dias
Palavras-chave: Poesia mineira, Memória coletiva, Tradição e ruptura, Papel social feminino, Sônia Queiroz.

Resumo

Este trabalho pretende abordar os volumes O sacro ofício (prêmio “Cidade de Belo Horizonte”, em 1980) e Relações cordiais (1997), da poeta Sônia Queiroz. A análise de alguns aspectos que retratam o papel social da mulher na família mineira, em O sacro ofício, assim como a sua interface, percebida na convivência amorosa da sociedade atual, em Relações cordiais, procura avivar as reminiscências da tradição literária e cultural, que, em outras roupagens, permanecem na atualidade. A perspectiva de abordagem permite perceber que textos ensaísticos, históricos e culturais, inseridos na produção poética, tornam-se participantes ativos na construção da memória coletiva de Minas Gerais. O discurso literário, desvinculado da preocupação de veracidade e objetividade, ao preencher lacunas e/ou questionar verdades históricas estabelecidas, amplia, por esse viés, o significado de fatos e figuras do passado mais remoto ou recente, contribuindo para a sua divulgação e conservação.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de história. In: BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política. Trad. Sérgio P. Rouanet. 2. ed. São Paulo: Brasiliense, 1986. p. 222-234.

BORHEIM, Gerd A. O conceito de tradição. In: BORHEIM, Gerd A. Cultura brasileira: tradição/contradição. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor/Funarte, 1987. p. 13-30.

BOSI, Alfredo. Cultura como tradição. In: BOSI, Alfredo. Cultura brasileira: tradição/contradição. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor/Funarte, 1987. p. 31-58.

DICIONÁRIO Houaiss da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001.

PÊCHEUX, Michel. O papel da memória. Trad. José Horta Nunes. Campinas: Ed. Pontes, 1999.

QUEIROZ, Sônia. O sacro ofício. Belo Horizonte: Editora Comunicação, 1980.

QUEIROZ, Sônia. Madrinha. Belo Horizonte: Editora Dez Escritos, 1987.

QUEIROZ, Sônia. Relações cordiais. Belo Horizonte: Poesia Orbital, 1997.

QUEIROZ, Sônia. Pé preto no barro branco, a língua dos negros da Tabatinga. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 1998.

Publicado
18-03-2004
Como Citar
Figueiredo, M. do C. L., & Dias, G. G. (2004). Sônia Queiroz: poesia e tradição em Minas Gerais. Scripta, 7(14), 172-182. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/12553