O ciclo de vida e morte em Helena Marques

  • Monica Rector
Palavras-chave: Helena Marques, Literatura portuguesa contemporânea, Feminismo, Identidade, Territorialidade.

Resumo

Aromancista portuguesa Helena Marques publicou quatro romances: O último cais, A deusa sentada, Terceiras pessoas e Os íbis vermelhos da Guiana. Estes romances buscam a identidade da mulher portuguesa através do tempo e do espaço. Começam no século XIX e vão até o presente momento no século XXI. Marques utiliza um artifício inovador quanto ao espaço geográfico. Em lugar de iniciar pelo centro, por Portugal continental, opta pela periferia que se torna, de fato, central. São as ilhas e o território além-mar ou fora da Península Ibérica que definem a mulher portuguesa e lhe dão uma identidade peculiar. Nesse trajeto, entre a tempestade e a bonança, lutas e ambições, o ciclo de nascimento e morte é a única realidade que permanece, permeada pelo amor.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BAKHTIN, M. M. The Dialogic Imagination: four essays. Ed. Michael Holquist. Trad. Caryl Enmerson e Michael Holquist. Slavic Series I. Austin: University of Texas Press, 1981.

BARRENO, Maria Isabel et al. Novas Cartas Portuguesas. Lisboa: Futura, 1974.

DICIONÁRIO de símbolos. Herder Lexikon. São Paulo: Cultrix, 1997.

FERREIRA, João Palma. Novelistas e contistas portuguesas dos séculos XVII e XVIII. Lisboa: Imprensa Nacional/Casa da Moeda, 1981.

KING, Ynestra. Ecology of Feminism and Feminism of Ecology. In: MACKINNON, Mary H.; McINTYRE, Moni McIntyre (eds.) Readings in Ecology and Feminism Theology. Kansas: Sheed & Ward, 1995. p. 150-160.

MARQUES, Helena. O último cais. 2. ed. Lisboa: Dom Quixote, 1993.

MARQUES, Helena. A deusa sentada. 2. ed. Lisboa: Dom Quixote, 1994.

MARQUES, Helena. Terceiras pessoas. Lisboa: Dom Quixote, 1998.

MARQUES, Helena. Os íbis vermelhos da Guiana. Lisboa: Dom Quixote, 2001.

PLATÃO. Obras completas. Madrid: Aguilar, 1966.

RECTOR, Monica. Mulher, objecto e sujeito da literatura portuguesa. Porto: Edições Fernando Pessoa, 1999.

Publicado
21-10-2004
Como Citar
Rector, M. (2004). O ciclo de vida e morte em Helena Marques. Scripta, 8(15), 92-105. Recuperado de http://periodicos.pucminas.br/index.php/scripta/article/view/12571