SICREDI E O PROGRAMA A UNIÃO FAZ A VIDA: A Influência da Lógica Mercantil na Formação de Professores

  • Daniela Oliveira Lopes Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)
  • Leila Duarte Reis Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • Maria de Fátima Cóssio Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • Susana Scherer Universidade Federal de Pelotas (UFPel)
  • Vanessa Silva da Silva Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
Palavras-chave: políticas educacionais, parcerias público-privadas, formação de professores

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar o discurso pedagógico, especificamente relativo à formação de professores, na cartilha Formando Educadores do Programa A União Faz a Vida, do Sicredi, desenvolvida via Parcerias Público-Privada (PPP) dessa organização com redes escolares no estado do Rio Grande do Sul (RS). Contextualizam-se, primeiramente, os conceitos de Terceira Via, Governança e Nova Gestão Pública, os quais dão suporte às PPPs e expressam-se como as estratégias contemporâneas adotadas pelo projeto capitalista. Depois se analisa o papel do Banco Mundial na disseminação desses ideais na educação, para então, na sequência, apresentar a análise da cartilha Formando Educadores, do Programa A União Faz a Vida, do Sicredi, de modo a exprimir sentidos e significados expressos no referido material. Nesse sentido, foi possível identificar o aporte de termos como cooperativismo e aprendizagem permanente, os quais representam elementos chave do projeto capitalista atual.

Biografia do Autor

Daniela Oliveira Lopes , Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA)

Graduada em Letras Português/Inglês e Respectivas Literaturas e especialista em Leitura e Escrita pela Universidade Federal do Pampa- UNIPAMPA. Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Petotas - UFPel (2018) na linha de pesquisa Currículo, Profissionalização e Trabalho Docente. Técnica em Assuntos Educacionais da Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA.

Leila Duarte Reis , Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Graduada em Pedagogia pela Universidade FEEVALE e especialização em Coordenção e Gestão Pedagógica pelo Instituto de Educação de Ivoti - IEI. Mestranda em Educação no Programa de Pós-graduação - PPGE-UFPel.

Maria de Fátima Cóssio , Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Graduada em Pedagogia, Especialização em Alfabetização. Mestrado e Doutorado em Educação na linha de pesquisa em Gestão e Políticas de educação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul/UFRGS, Pós-Doutorado na Linha de Pesquisa em Políticas Educacionais e Trabalho na Universidade Federal de Santa Catarina/UFSC. Professora da Universidade Federal de Pelotas/UFPel. Vinculada ao Departamento de Ensino da Faculdade de Educação, atua em cursos de Graduação/Licenciaturas e no Programa de Pós-Graduação em Educação. Líder do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Políticas Educacionais/NEPPE/CNPQ. Pró-Reitora de Ensino da Universidade Federal de Pelotas - UFPel (2017-2020).

Susana Scherer, Universidade Federal de Pelotas (UFPel)

Graduada em Licenciatura e Mestrado em Educação Física pela Universidade Federal de Pelotas. Doutoranda em Educação da Universidade Federal de Pelotas – UFPel.

Vanessa Silva da Silva, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Graduada em Ciências Biológicas (Bach. e Lic.) pela Universidade Federal de Pelotas e em Tecnologia em Gestão Ambiental pelo Instituto Federal de Ciência e Tecnologia Sul-rio-grandense. Mestrado em Biotecnologia ênfase Microbiologia e Imunologia Aplicadas, pela Universidade Federal de Pelotas. Servidora Técnico Administrativa da Universidade Federal de Santa Catarina.

Publicado
18-12-2019
Como Citar
Oliveira Lopes , D., Duarte Reis , L., Cóssio , M. de F., Scherer, S., & Silva da Silva, V. (2019). SICREDI E O PROGRAMA A UNIÃO FAZ A VIDA: A Influência da Lógica Mercantil na Formação de Professores. @rquivo Brasileiro De Educação, 7(16), 105-129. https://doi.org/10.5752/P.2318-7344.2019v7n16p105-129